Ex-agente de Pelé perde R$ 154 mi de técnico da Inglaterra e ex-jogadores

Terry Byrne, que já foi empresário de Pelé e David Beckham, admitiu ter investido dinheiro do técnico da seleção inglesa, Gareth Southgate, e de outros ex-jogadores sem o seu consentimento.

O que aconteceu

Byrne é agente de Southgate desde que ele trabalhava nas categorias de base inglesas e negociou seus contratos até chegar ao time principal da Inglaterra.

O valor investido Terry sem o consentimento de seus clientes gira na casa de 25 milhões de libras (R$ 154,2 milhões, na cotação de hoje).

Byrne teria usado o dinheiro de outros ex-jogadores, como Joe Cole e Glenn Hoddle, além de dividendos de chefs com estrelas Michelin também representados por sua agência 10Ten Talent. Essa informação é do jornal britânico Daily Mail.

O empresário teria comprado escritórios no centro de Londres em negócios que deixaram suas empresas à beira da falência. O problema veio à tona quando Byrne atrasou os pagamentos de acordos de patrocínio e trabalhos comerciais, e seus clientes recorreram à justiça.

"Estamos trabalhando com os talentos no que diz respeito aos reembolsos. O mais importante para mim em tudo isto é que eles sejam totalmente reembolsados", disse o empresário ao site inglês.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora