Ainda dá? Flamengo vence o Fortaleza e fica a seis pontos da liderança

O Flamengo jogou de maneira inteligente, soube suportar a pressão e venceu o Fortaleza em plena Arena Castelão (CE), por 2 a 0, com gols de Pedro e Luiz Araújo, e manteve as esperanças por um possível título brasileiro.

O Rubro-Negro foi a 53 pontos e está a seis do Palmeiras e do Botafogo, que estão no topo da tabela. O Alvinegro está na liderança pelos critérios de desempate e está com dois jogos a menos, sendo que um deles acontecerá amanhã (6), contra o Vasco, em São Januário (RJ).

No objetivo mais conservador estipulado por Tite, que é garantir vaga na Libertadores de 2024, o Flamengo segue no grupo de classificação, mas ainda para a pré, na sexta colocação, a três pontos do G4.

O Fortaleza, por sua vez, ficou distante de uma classificação para a Libertadores se mantendo com 42 pontos, no grupo que dá vaga à Sul-Americana.

O Tricolor já acumula sua quarta derrota consecutiva.

Sem monitor do VAR - O monitor do VAR para revisão do árbitro não funcionou na Arena Castelão. O árbitro Anderson Daronco avisou a situação aos treinadores das duas equipes. Para casos de impedimento, gol e não gol, a ferramenta estava funcionando.

Fortaleza e Flamengo voltam a campo na próxima quarta-feira (8). Os cearenses visitam o Athletico-PR, em Curitiba (RJ), e os cariocas recebem o Palmeiras, no Maracanã.

O jogo

Fortaleza e Flamengo fizeram um bom primeiro tempo, com o Rubro-Negro sobressaindo-se e sendo mais perigoso. Os pontas Everton Cebolinha e Luiz Araújo foram muito bem e, com velocidade, incomodaram os donos da casa, que tentaram chegar mais na base de lançamentos e comMarinho, mas não foram muito efetivos.

Continua após a publicidade

Na etapa final, O Fortaleza voltou melhor e chegou a chutar uma bola na trave logo aos três minutos do segundo tempo. Os anfitriões tiveram outras oportunidades e pressionavam a partir dos 30 minutos, mas não souberam aproveitar as chances e sofreram o duro golpe no fim, quando Luiz Araújo fez o 2 a 0 para o Flamengo e "fechou a tampa" para o Rubro-Negro.

Gols e lances

Mão? - Aos 12 minutos do primeiro tempo, Pedro recebeu bom passe dentro da área, dominou e girou batendo. A bola desviou no braço de Brítez, mas o árbitro Anderson Daronco interpretou que foi um lance natural e mandou o jogo seguir, para reclamação dos jogadores do Flamengo.

Não valeu - O Fortaleza reagiu seis minutos depois, quando Marinho recebeu belo lançamento de Caio Alexandre, cortou a marcação já dentro da área e chutou para boa defesa de Rossi. A arbitragem, porém, assinalou impedimento.

Que isso, Filipe Luís!? - Aos 25, Machuca cruzou, Filipe Luís apareceu para cortar de modo estranho, a bola bateu em sua coxa e por muito pouco não entra.

Pedro abre o placar para o Fla - Quando o jogo já caminhava para o intervalo, Filipe Luís tocou para Pedro na entrada da área. O camisa 9 dominou e bateu rasteiro e cruzado, e o goleiro João Ricardo apenas observou a bola morrer no fundo da rede.

Continua após a publicidade

Cebolinha enfileira - No último minuto do primeiro tempo, o Flamengo ainda chegou com perigo mais uma vez quando Everton Cebolinha arrancou, enfileirou a zaga do Fortaleza e chutou cruzado, para boa defesa de João Ricardo.

Na trave! - O Fortaleza voltou disposto a correr atrás do prejuízo e carimbou a trave direita do Flamengo logo aos 3 minutos do segundo tempo em um chute de fora da área de Lucas Crispim. Rossi apenas observou.

Flamengo amplia - Flamengo ampliou aos 41 minutos do segundo tempo quando Filipe Luís rolou para Ayrton Lucas na linha de fundo. O lateral tocou rasteiro, Everton Ribeiro fez um lindo corta-luz e Luiz Araújo chutou de primeira, fazendo o 2 a 0.

Na trave de novo! - O Fortaleza chutou outra bola na trave aos 50 minutos do segundo tempo, com um chutaço de Zé Welison de fora da área.

FICHA TÉCNICA

FORTALEZA 0 X 2 FLAMENGO

Continua após a publicidade

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Competição: Campeonato Brasileiro (32ª rodada)
Hora: 16h (de Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco (Fifa-RS)
Auxiliares: Bruno Boschilia (Fifa-PR) e Tiago Augusto Kappes Diel (RS)
VAR: Daniel Nobre Bins (FIFA-RS)
Cartões amarelos: Machuca (FOR); Thiago Maia, Filipe Luís, Erick Pulgar (FLA)
Cartões vermelhos: Nenhum
Gols: Pedro, aos 44 minutos do primeiro tempo (FLA); Luiz Araújo, aos 41 minutos do segundo tempo (FLA)

Fortaleza: João Ricardo; Tinga, Brítez, Tite (Escobar) e Bruno Pacheco; Caio Alexandre (Thiago Galhardo), Lucas Sasha (Zé Welison), Pochettino; Marinho (Yago Pikachu), Machuca e Lucero. Técnico: Juan Pablo Vojvoda.

Flamengo: Rossi; Matheuzinho, Fabrício Bruno, Léo Pereira e Filipe Luís; Pulgar, Thiago Maia (Rodrigo Caio) e Arrascaeta (Victor Hugo); Luiz Araújo, Pedro (Ayrton Lucas) e Cebolinha (Everton Ribeiro). Técnico: Tite.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora