PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Real Madrid vence Rayo Vallecano com gol de Benzema e assume liderança

Benzema comemora gol marcado pelo Real Madrid contra o Rayo Vallecano - Pierre-Philippe Marcou/AFP
Benzema comemora gol marcado pelo Real Madrid contra o Rayo Vallecano Imagem: Pierre-Philippe Marcou/AFP

Josué Seixas

Colaboração para o UOL, em Maceió

06/11/2021 18h56

Classificação e Jogos

O Real Madrid venceu o Rayo Vallecano por 2 a 1, hoje (6). Os gols do jogo foram marcados por Toni Kroos e Benzema, para o Real, e Falcao García, para os visitantes. A partida, válida pela 13ª rodada do Campeonato Espanhol, foi disputada no Estádio Santiago Bernabéu.

Vinicius Júnior e Benzema conseguiram fazer boas tramas durante a partida. O brasileiro teve um gol anulado logo no começo por causa de um impedimento, iniciou a jogada para o gol de Toni Kroos e, no segundo tempo, bagunçou a defesa adversária, que afastou a bola em cima da linha. Toni Kroos também desequilibrou com bons passes e construções de jogadas.

Pelo lado do Rayo, o destaque do jogo seria Falcao García, que ficou pouco menos de 10 minutos em campo. Ele entrou, fez o gol do time e foi substituído pouco depois com dores na virilha.

Com o resultado, o Real Madrid assumiu a liderança do Campeonato Espanhol, com 27 pontos em 12 jogos. O Rayo Vallecano é o 6º colocado e soma 20 pontos em 13 partidas disputadas.

Vini Jr tem gol anulado no começo

Carvajal levantou a bola na área, Benzema ajudou de cabeça para a esquerda e Vinicius Júnior mandou para a rede. O lance foi anulado, no entanto, porque Benzema estava impedido.

Real Madrid abre o placar

Aos 13 minutos do primeiro tempo, Vinicius Junior foi lançado por Kroos, brigou com a defesa do Rayo Vallecano e tocou para Asensio, que cruzou para o meio da área. Kroos chegou e bateu de primeira, no ângulo, sem chances para o goleiro. O lance foi revisado pelo VAR, que confirmou o gol.

Benzema amplia

Aos 38, o Real Madrid subiu bem novamente. Alaba cruzou a bola do canto esquerdo para o meio da área e a bola passou pela zaga e pelo goleiro do Rayo, deixando Benzema de frente para o gol. Ele só bateu na bola e balançou a rede.

E o francês quase fez o segundo um minuto depois. Vinicius Júnior recebeu no canto esquerdo, fora da grande área, rabiscou e mandou uma bomba. O goleiro Dimitrievski deu rebote, Benzema bateu de cabeça com o gol livre, mas mandou por cima.

Real Madrid domina o jogo

Logo no início do segundo tempo, Vinicius Júnior destilou todo seu talento. Ele recebeu a bola no meio de campo e arrancou em velocidade, driblando três jogadores e chutando na saída do goleiro. Valentín, volante do Rayo, conseguiu tirar a bola quase em cima da linha.

Aos oito minutos, Kroos lançou Asensio, que entrou na grande área e tentou encobrir Dimitrievski, mas o goleiro se recuperou e defendeu. Aos 15, Benzema também teve uma boa chance, após trama de Vini Jr. e Mendy. O chute foi para fora.

Rayo não desiste

Enquanto o Real Madrid não aproveitava as boas chances para matar o jogo, o Rayo Vallecano seguia no ataque. Aos 29 minutos, Bebé arrancou em contra-ataque, entrou na área do Real Madrid e chutou rasteiro. A bola bateu na trave.

Falcao diminui para o Rayo

E logo no lance seguinte ao de Bebé, aos 30, a bola encontrou Radamel Falcao García. Após cruzamento do lado esquerdo, o atacante colombiano saltou praticamente sozinho e cabeceou para dentro do gol.

Aos 33, porém, o atacante pediu atendimento ainda no gramado, reclamando de dores na virilha, e foi substituído.

O Rayo ainda chegou com perigo aos 45 minutos, num lance embaralhado. Após escanteio da direita, a bola foi desviada na primeira trave, Camavinga, do Real, tirou, Valentín, do Rayo, ficou com a sobra e chutou, mas Toni Kroos conseguiu salvar em cima da linha. O Rayo ainda chutou outra vez, mas Courtois espalmou.


FICHA TÉCNICA:

Real Madrid 2 x 1 Rayo Vallecano
Motivo: 13ª rodada do Campeonato Espanhol
Data e horário: 06/11/2021, 17h (de Brasília)
Local: Santiago Bernabéu
Gols: Toni Kroos (RMA), aos 13' do 1º tempo (1-0); Benzema, aos 38' do 1º tempo (2-0); Falcao, aos 30' do 2º tempo (2-1)
Cartões amarelos: Toni Kroos (RMA), Balliu (RAY), Comesaña (RAY)

Real Madrid: Courtois, Carvajal (Nacho Fernández), Éder Militão, Alaba, Mendy, Casemiro, Camavinga, Kroos, Asensio (Lucas Vázquez), Vini Jr. e Benzema (Hazard). Técnico: Carlo Ancelloti.

Rayo Vallecano: Dimitrievski, Balliu, Saveljich (Pozo), Catena, Fran García, Comesaña, Valentín, Palazón (Bebé), Trejo, Álvaro García e Nteka (Falcao) (Guardiola). Técnico: Andoni Iraola.

Futebol