PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Vale Puskás? Jogador acerta ângulo em chute do meio-campo; assista ao gol

Luis Antônio, conhecido como Juninho, fez um golaço do meio de campo para o Rio Branco no jogo contra a Itapirense - Reprodução/Twitter
Luis Antônio, conhecido como Juninho, fez um golaço do meio de campo para o Rio Branco no jogo contra a Itapirense Imagem: Reprodução/Twitter

Do UOL, em São Paulo

27/09/2021 09h41

A famosa frase "gol que Pelé não fez" ganhou mais um autor na tarde de ontem, no duelo entre Rio Branco e Itapirense, válido pela Segunda Divisão do Campeonato Paulista (assista abaixo).

Por volta dos seis minutos do 2° tempo do duelo, que estava estava em 1 a 0 para a equipe de Itapira, os presentes no estádio Décio Vitta, em América, assistiram a um lance típico de Prêmio Puskás (gol mais bonito do mundo).

Isso porque o meia Luis Antônio, também conhecido como Juninho, aproveitou um erro de Luis Fernando para empatar a partida - de maneira surpreendente.

Após ver o adversário rolar a bola para trás, ele observou o goleiro do Itapirense adiantado e, antes da linha do meio de campo, não pestanejou: bateu de primeira e forte para o gol.

A bola caprichosamente parou no ângulo da meta defendida por Mateus e morreu no fundo do gol, surpreendendo tanto o narrador quanto o comentarista da transmissão da FPF TV.

O gol de Luis Antônio foi importantíssimo para o Rio Branco, que conseguiu a virada minutos depois e acabou vencendo por 3 a 2.

A equipe de Americana, que já estava classificada para a 2ª fase, terminou a fase de grupos com 23 pontos. A Itapirense, por outro lado, está eliminada.

Assista ao golaço:

Futebol