PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Artilheiro do Argentino tem 41 anos e fez seu 1º gol na liga no século 20

Pepe Sand, atacante do Lanús, durante partida contra o Union Santa Fe pelo Campeonato Argentino - Divulgação/Club Atlético Lanús
Pepe Sand, atacante do Lanús, durante partida contra o Union Santa Fe pelo Campeonato Argentino Imagem: Divulgação/Club Atlético Lanús

Colaboração para o UOL, em São Paulo

01/08/2021 04h00

A atual edição do Campeonato Argentino, em novo formato, começou há duas semanas e já possui um artilheiro isolado, com cinco gols em quatro partidas. Trata-se de José "Pepe" Sand, centroavante do Lanús, que aos 41 anos continua fazendo história no futebol portenho.

O incansável atacante voltou a balançar as redes ontem (31), no empate por 1 a 1 diante do Unión Santa Fe, que assegurou à equipe, até o momento, o quarto lugar da competição.

Neste sábado, Pepe comemorou pela 148ª vez um gol com a camisa grená, se distanciando no posto de maior artilheiro do clube de 106 anos. O segundo principal goleador do Granate, como é conhecido o time, é Luis Arrieta, com 120 tentos.

Em toda a carreira, somadas as passagens por grandes argentinos e equipes da Espanha, México, Colômbia e do Brasil, onde atuou pelo Vitória-BA em 2002, Sand marcou 285 gols em mais de 650 partidas.

Primeiro gol no Argentino ocorreu em 1999

Uma das marcas da longevidade de Pepe Sand no futebol sul-americano é o fato de o primeiro gol do atacante no Campeonato Argentino ter ocorrido no século passado.

A primeira vez que balançou as redes na competição foi em uma partida em 1999, contra o Gimnasia, quando ainda vestia a camisa do Colón, seu primeiro clube.

Ao todo, o experiente camisa 9 atuou por 16 equipes - 11 na Argentina - ao longo de 22 anos de carreira.

Histórico com o Lanús

Pelo Lanús, clube do qual é um dos principais ídolos, Pepe já faturou duas vezes o Campeonato Argentino, em 2007 e 2016.

Além disso, foi o centroavante um dos principais responsáveis pela campanha do vice-campeonato na Libertadores de 2017, quando a equipe perdeu a decisão para o Grêmio. Sand foi o artilheiro da competição, com nove gols.

No Argentino, o atacante foi o principal goleador em três temporadas - 2008, 2009 e 2016 -, e nesta temporada, aos 41 anos, o capitão do time busca alcançar o feito pela quarta vez.

Futebol