PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

Crespo aprende português com vídeos no Instagram para treinar o São Paulo

Marcello Zambrana/AGIF
Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

Brunno Carvalho

Do UOL, em São Paulo

23/07/2021 04h00

Classificação e Jogos

O tradutor que marcou presença na apresentação de Hernán Crespo no São Paulo aos poucos foi deixado de lado. Em suas entrevistas, o treinador argentino afirmava que aprender a língua portuguesa era uma questão de respeito ao país onde trabalha. Há cinco meses morando em São Paulo, ele tem evoluído na missão.

Antes de aprender português, para além do espanhol nativo, Crespo já falava italiano, fruto dos anos que passou no país como jogador. Esse é, inclusive, o único idioma que fala com as filhas. "Português é uma mistura das duas línguas. (...) Faço confusão ainda, mas com calma eu chego. Não vai ser em um mês, dois meses, mas com o tempo vou começar a falar melhor", disse, em uma coletiva há dois meses.

Gustavo Nepote e Hernán Crespo com o livro "Portugués en un abrir y cerrar de ojos" - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
Gustavo Nepote e Hernán Crespo com o livro "Portugués en un abrir y cerrar de ojos"
Imagem: Reprodução/Instagram

O Instagram tem sido importante no processo de aprendizagem do treinador. Ele costuma acompanhar os vídeos da professora de português Sônia Rodríguez Mella (@traduccionesdeportugues). Argentina como Crespo, ela começou a ensinar a língua há 30 anos, depois de trabalhar para uma empresa carioca. As publicações dela costumam contar com as curtidas do técnico são-paulino.

No início da semana, Sônia conseguiu enviar um presente para Crespo e o preparador de goleiros Gustavo Nepote, outro assíduo espectador dos seus vídeos. Os dois receberam o livro "Portugués en un abrir y cerrar de ojos" (Português em um abrir e fechar de olhos), escrito por ela em 2019.

"O Gustavo disse que foi o Hernán quem recomendou meu Instagram para ele. Eles dizem que as minhas publicações e vídeos ajudam muito na autoaprendizagem. Eles estão sem professora e usam meus conteúdos para aprender", contou Sônia.

O presente foi registrado por Nepote nas redes sociais. "Obrigado, Sônia, pelo livro e por nos ajudar a estarmos mais próximos de nossos irmãos brasileiros", escreveu o preparador de goleiros.

Animada por ser seguida por alguém famoso como Crespo, Sônia disse que começou a acompanhar as entrevistas coletivas do treinador para pensar no conteúdo de seus vídeos. Ela elogiou a evolução do treinador com o idioma.

"Dá para perceber que é um homem muito inteligente. Ele fala várias línguas, e isso não é fácil. Incorporar uma nova língua estrangeira não se faz em um dia. Não percebo nenhuma questão específica da língua que esteja sendo um sofrimento para ele", completou.

São Paulo