PUBLICIDADE
Topo

Futebol

ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

Mattos: "Estratégia de Abel Ferreira é certa: priorizar a Libertadores"

Do UOL, em São Paulo

03/05/2021 12h00

Classificação e Jogos

O Palmeiras entrou em campo neste domingo (2) com um time alternativo para enfrentar o Santo André pelo Campeonato Paulista. A vitória por 1 a 0 no Canindé manteve as chances de classificação da equipe para as quartas de final do torneio estadual. Embora use a competição como laboratório, o treinador recebeu críticas por parte da torcida por conta da possibilidade de eliminação ainda na primeira fase.

No Fim de Papo, live pós-rodada do UOL Esporte - com os jornalistas Isabela Labate, Renato Maurício Prado, Débora Miranda e Rodrigo Mattos - os planos de Abel Ferreira foram discutidos pelos comentaristas. Afinal, uma possível queda logo na primeira fase do Paulista, mesmo atuando a maior parte do tempo com reservas e jovens das categorias de base, seria motivo para críticas?

Mattos defende o plano do treinador, mas faz ressalvas. "A estratégia do Abel é certa: priorizar a Libertadores. Cada vez mais o Paulista é menos relevante. Hoje tinha praticamente só garotos em campo. Se não passar, é um rendimento abaixo do que se esperava, mesmo com um segundo, terceiro time", analisou.

Já Renato preferiu usar outro termo e pegou como exemplo a derrota para a Inter de Limeira. "É um baita vexame. Pega a escalação no jogo anterior. Tinha obrigação de ganhar. Não pode perder ou empatar com pequenos. Estadual é o menos importante, mas com esse elenco o Palmeiras tem obrigação de se classificar", opinou o colunista.

Para Débora, o Palmeiras poderia ter um desempenho um pouco acima do que mostrou no estadual, mesmo atuando sem seus titulares na maior parte do tempo. "O Palmeiras tem um segundo time forte. Já mostrou isso, em outras oportunidades. O jogo de hoje foi horrível. Tinha obrigação de estar um pouco melhor", comentou.

Renato acha que, se o Palmeiras passar de fase, vai mudar sua postura e levar o Estadual para valer. "O Palmeiras está numa situação engraçada. Ainda tem chance de se classificar e a sensação que tenho é que o melhor para ele é ser eliminado. Se passar, vai começar a levar a sério. Vai ter pressão da torcida pra ganhar e, se não classificar, é uma vergonha. Se classificar, vai ganhar o Paulista. É melhor do que os outros, mais pronto. Mas isso pode não ser bom em termos de Libertadores", finalizou.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol