PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Feriado do esporte teve trocas de técnicos, mercado da TV e caso de polícia

Neymar causou polêmica com festa e aglomeração e terminou o fim de semana com homenagem esportiva - Reprodução/Instagram
Neymar causou polêmica com festa e aglomeração e terminou o fim de semana com homenagem esportiva Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

04/01/2021 04h00

E aí, aproveitou o recesso de fim de ano para desacelerar e se desligar do noticiário? Não tem problema. O UOL Esporte preparou uma lista das notícias mais importantes do esporte nestes últimos dias. Teve time grande trocando de treinador no Brasil e fora, novidade importante na TV esportiva, jogador já convocado para a seleção brasileira na mira da Polícia e até título de campeonato. Preparado?

Luxemburgo no Vasco

Em pleno dia 31 de dezembro, o Vasco anunciou o retorno do técnico Vanderlei Luxemburgo um ano após sua saída do clube. Ele substitui o português Ricardo Sá Pinto e acertou depois de Zé Ricardo rejeitar o convite. Luxa recentemente se recuperou de Covid-19 e pediu ao Vasco para não receber salário nos 12 jogos da luta contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro, e sim um bônus se conseguir o feito.

Luxemburgo - Thiago Ribeiro/AGIF - Thiago Ribeiro/AGIF
Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF

Pochettino no PSG

Anteontem (2), o Paris Saint-Germain confirmou uma notícia que já vinha sendo especulada há semanas, que é a contratação do técnico argentino Mauricio Pochettino até junho de 2022. Ele não trabalhava desde novembro de 2019, quando foi demitido do Tottenham, e substitui o alemão Thomas Tuchel.

Pochettino - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Primeiro campeão de 2021

Tradicionalmente disputada no primeiro dia do ano, a Copa do Imperador do Japão teve como campeão o Kawasaki Frontale, dos brasileiros Jesiel e Leandro Damião. A vitória por 1 a 0 foi com gol de Kaoru Mitoma e marcou o primeiro time a levantar uma taça em 2021.

Kawasaki  - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

Mauro Cezar fora da ESPN

O jornalista Mauro Cezar Pereira, que é colunista do UOL, anunciou anteontem (2) sua saída da ESPN após 16 anos. Ele não aceitou a proposta de renovação do Grupo Disney, que tem trabalhado na fusão dos canais ESPN e Fox Sports e pediu exclusividade em relação ao trabalho em outras mídias.

Mauro Cezar Pereira - Lucas Lima/UOL - Lucas Lima/UOL
Imagem: Lucas Lima/UOL

Marcinho investigado

O lateral-direito Marcinho, ex-Botafogo e seleção brasileira, prestará depoimento hoje (4), na 42ª Delegacia de Polícia Civil. Ele é suspeito de ter atropelado um casal no Recreio dos Bandeirantes, Zona Oeste do Rio de Janeiro - o homem morreu, e a mulher está internada. Ainda não se sabe se o jogador de 24 anos estava ao volante do carro que os atingiu e fugiu sem prestar socorro.

Marcinho - Vitor Silva/Botafogo - Vitor Silva/Botafogo
Imagem: Vitor Silva/Botafogo

Clássico argentino

Boca Juniors e River Plate se enfrentaram na noite de sábado (2), pela Copa Diego Maradona. Os gigantes argentinos empataram em 2 a 2 em um superclássico com três gols no segundo tempo e duas expulsões. A próxima missão das equipes é contra brasileiros, pela Libertadores: terça-feira tem River Plate x Palmeiras, e na quarta Boca Juniors x Santos.

Boca River - Marcelo Endelli/AFP                             - Marcelo Endelli/AFP
Imagem: Marcelo Endelli/AFP

Neymar homenageado

Depois de longa polêmica em relação à sua festa de Ano Novo que rendeu notificação do Ministério Público, Neymar recebeu a Secretaria de Esportes do Rio de Janeiro para deixar a marca de seus pés em moldes que serão colocados em exibição na Calçada da Fama do estádio do Maracanã. Ainda não há data para a oficialização da homenagem.

Neymar - @neymarjr/Instagram - @neymarjr/Instagram
Imagem: @neymarjr/Instagram

Acusação de racismo

Uma partida da Série C do Campeonato Brasileiro agitou o noticiário no sábado (2): segundo o Brusque-SC, um dirigente do Vila Nova-GO chamou o atleta Jefferson Renan de "macaco" durante o segundo tempo do jogo em Goiânia, vencido pelos catarinenses. O caso está em investigação.

Jefferson Renan - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
Imagem: Reprodução/Instagram

Ex-jogadores morrem de Covid

O ex-jogador Cléber Arado, ídolo do Coritiba campeão paranaense de 1999, morreu aos 48 anos no sábado (2), por complicações causadas pela Covid-19. Ele estava internado no Hospital de Reabilitação, em Curitiba, há 34 dias. Ele estava aposentado desde 2006. No dia anterior, quem morreu foi Irani, ex-atacante do Sport nos anos 1990, aos 44 anos. Ele fez história com gols decisivos no tricampeonato estadual de 1998 e 2000.

Arado1 - Reprodução/Coritiba - Reprodução/Coritiba
Imagem: Reprodução/Coritiba
Irani 1 - Reprodução/Twitter/@sportrecife - Reprodução/Twitter/@sportrecife
Imagem: Reprodução/Twitter/@sportrecife

Esporte