PUBLICIDADE
Topo

Futebol

"Vergonha para o futebol", diz Autuori sobre Athletico sem goleiro reserva

Técnico do Athletico-PR, Paulo Autuori é um dos maiores críticos da volta do futebol durante a pandemia  - Fabio Wosniak/Site Oficial do Athletico Paranaense
Técnico do Athletico-PR, Paulo Autuori é um dos maiores críticos da volta do futebol durante a pandemia Imagem: Fabio Wosniak/Site Oficial do Athletico Paranaense

Do UOL, no Rio de Janeiro

28/11/2020 17h13

Classificação e Jogos

A segunda onda de Covid-19 tem afetado também os clubes que disputam o Campeonato Brasileiro. O Athletico-PR, por exemplo, que enfrenta hoje (28) o Palmeiras no Allianz Parque (SP), está sem goleiro reserva. Isso porque Santos e Jandrei estão infectados, e há somente Bento, de 21 anos, debaixo das metas.

Experiente treinador e crítico ferrenho da disputa da competição em meio a pandemia de coronavírus, Paulo Autuori foi duro em relação à essa situação.

"Não tem explicação, final da minha carreira, o futebol brasileiro em alto nível e essa situação. É uma vergonha para o futebol como um todo ver isso. Não tem o que falar, é pensar no jogo e fazer um bom jogo", declarou ao Esporte Interativo.

Na véspera do jogo, a CBF vetou o pedido atleticano de liberação do goleiro Mycael, 16 anos, que está com a seleção sub-17. Com isso, caso Bento se lesione, o Athletico-PR será obrigado a colocar um jogador de linha debaixo da meta.

Futebol