PUBLICIDADE
Topo

Brasileirão - 2020

Fortaleza diz que segue protocolo da CBF e não levou torcida ao Castelão

Do UOL, em São Paulo

20/09/2020 14h41Atualizada em 20/09/2020 19h36

Classificação e Jogos

Acusado de abrir o Castelão para "mais de 80 torcedores" na noite de ontem, no duelo contra o Internacional, pelo Campeonato Brasileiro, o Fortaleza se defendeu, afirmou seguir à risca o protocolo estabelecido pela CBF e garantiu que a reclamação do vice-presidente de futebol da equipe colorada, Alessandro Barcelos, não procede.

Procurado pelo UOL Esporte, o clube cearense negou que tenha recebido torcedores e divulgou uma nota para tratar da acusação do time adversário. O Tricolor afirmou que está seguindo as normas das autoridades e especificou quantas pessoas estiveram no estádio (veja mais abaixo).

"O Fortaleza Esporte Clube vem cumprindo com todo o protocolo estabelecido pela CBF em dia de jogos. Reiteramos ainda que seguimos rigorosamente o protocolo do Governo do Estado, além das diretrizes da CBF, com o acompanhamento direto da diretoria responsável", diz um trecho da nota.

"A relação com todos que trabalham em dia de jogos é enviada para a CBF e conferida atentamente na checagem que acontece na Arena Castelão para a distribuição dos crachás de acesso", concluiu o comunicado emitido pelo Fortaleza.

Ontem, após o duelo, Alessandro Barcelos, vice-presidente de futebol do Internacional, afirmou que o Fortaleza contou com apoio de "mais de 80 pessoas" nas arquibancadas do Castelão. O dirigente chegou a relatar que o público fez pressão na arbitragem para não-marcação de pênalti em Damián Musto.

Arquibancadas do Castelão durante Fortaleza x Inter, pelo Brasileirão - Reprodução/Redes sociais - Reprodução/Redes sociais
Foto utilizada por diretor do Inter para acusar Fortaleza de levar torcida ao Castelão
Imagem: Reprodução/Redes sociais

"Nós temos direito [a levar por jogo] 42 pessoas, independentemente dos médicos, que é uma outra relação. E nós não chegamos nem nessas 42 pessoas que temos direito para o staff junto à Arena Castelão", afirmou Tahim Fontenele, responsável pela operação dos jogos do Fortaleza como mandante, ao UOL Esporte.

O Tricolor do Pici disse à reportagem que levou ao duelo de ontem 70 pessoas. Ao todo, foram 42 entre comissão técnica e jogadores, 19 do staff e 9 médicos e enfermeiros. Houve também 12 membros da Federação Cearense, Polícia Militar (6 pessoas), e equipe técnica do Castelão (20).

O evento contou ainda gandulas e maqueiros (8 pessoas), profissionais de imprensa (65) e membros da CBF (5), além de cerca de 10 contratados para conferir a entrada e fazer a segurança do Castelão, bem como aferir a temperatura de todos os integrantes envolvidos.

O time comandado por Rogério Ceni venceu o Internacional por 1 a 0, em jogo válido pela 11ª rodada do Brasileirão. O gol foi marcado por Felipe, em chute da fora da área.