PUBLICIDADE
Topo

Atlético-MG

Hulk diz que título pelo Atlético-MG seria o mais especial: 'de arrepiar'

Hulk comemora gol do Atlético-MG contra o Corinthians pelo Brasileirão - Fernando Moreno/AGIF
Hulk comemora gol do Atlético-MG contra o Corinthians pelo Brasileirão Imagem: Fernando Moreno/AGIF

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

10/11/2021 21h43

A torcida do Atlético-MG já não vê a hora de abrir contagem regressiva para ver o time campeão brasileiro. Ainda faltam alguns pontos para o clube voltar a vencer a competição, depois de 50 anos de espera.

Enquanto isso, a torcida alvinegra segura o grito e vai de "vamos ganhar o Brasileiro" no retorno às arquibancadas, o que é aprovado pelo atacante Hulk.

Foi assim após a vitória por 3 a 0 sobre o Corinthians. Artilheiro da competição, agora com 12 gols, Hulk é um dos protagonistas da campanha alvinegra. Mesmo aos 35 anos e com uma grande carreira construída fora do Brasil, o atacante vibra com a torcida, sem freio.

"Eu acho que é o grito certo. Ainda não somos campeões, mas vamos ser. Quer dizer que a gente ainda não conquistou. Foi a humildade que nos fez chegar até aqui hoje. Vai ser assim até o final. Vamos manter o foco e ver isso até o final", comentou Hulk, que já sonha com o dia de levantar o troféu.

"Sempre falo. Venho sonhando demais. São quase 17 anos de profissional. Quase 20 títulos. Mas ganhar o Brasileiro vai ser o mais especial para mim e para o clube. São cinco décadas sem ganhar. É gratificante demais. Chega a arrepiar na hora do gol", completou o camisa 7.

Aqui lembramos como Hulk mal jogou futebol profissional no Brasil antes de viajar o mundo para ganhar fama. Passou por Japão, Portugal, Rússia e China antes de voltar para seu país e brilhar.

Com 68 pontos conquistados, o Atlético precisa vencer mais três vezes para voltar a ser campeão brasileiro depois de 50 anos. A primeira e única conquista do clube foi em 1971.

Atlético-MG