PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Técnico do Olympique diz que zagueiro acusado por Neymar não é racista

Do UOL, em São Paulo

15/09/2020 12h02

O técnico André Villas-Boas, do Olympique de Marselha, saiu em defesa do zagueiro Álvaro González, acusado de ato racista por Neymar durante a vitória por 1 a 0 do time sobre o PSG, no último domingo, pelo Campeonato Francês.

De acordo com o treinador, é "preciso buscar a verdade" sobre o caso, mas ele diz ter certeza de que González não é racista. Segundo Neymar, o zagueiro do Olympique o chamou de "macaco fdp" ao longo da partida.

"Estamos ao lado do jogador, em busca da verdade. Temos certeza de que Álvaro não é racista. O Olympique representa multiculturalidade. Acho que todos nós vamos ajudar a buscar a verdade", disse.

Sem ser específico, Andrés Villas-Boas disse que Neymar também sofreu por acusações falsas recentemente. Em 2019, a modelo Najila Trindade acusou Neymar de estupro, mas a Justiça arquivou o inquérito.

"Neymar já sofreu falsas acusações. Ele também sofreu muito, sabe exatamente o impacto das palavras quando as acusações são falsas. Não é bom para o Álvaro. É um assunto delicado. Olympique e PSG estão lá para ajudar a buscar a verdade", afirmou.

André Villa-Boas ainda confirmou que Álvaro González sofreu ameaças de morte pelas redes sociais, assim como comunicado pelo clube ontem. "Foram ameaças reais. Nós passamos tudo para polícia", disse.

Esporte