PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Renato se nega a falar de pênalti do Fla e diz que Grêmio merecia vitória

Do UOL, em Porto Alegre

19/08/2020 22h35

Renato Gaúcho considera que o Grêmio merecia ter vencido o Flamengo, hoje, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. Depois do empate em 1 a 1, o treinador gremista afirmou que o time gaúcho foi melhor que o adversário durante toda a partida. Portaluppi ainda se negou a comentar o pênalti marcado no final do confronto e que gerou gol flamenguista.

O gol do Grêmio foi marcado por Pepê, no final do primeiro tempo. Gabigol empatou de pênalti na etapa final.

"Eu fiquei muito satisfeito com a minha equipe. Dominamos o Corinthians no sábado, tivemos as melhores oportunidades. Infelizmente a bola não entrou. Hoje a bola entrou, enfrentamos uma grande equipe, o melhor elenco disparado do Brasil. Fomos melhores os 90 minutos e nada mais justo que sair com a vitória. Mas infelizmente em um chute de fora da área a bola pegou no braço, e não comento sobre arbitragem, e se foi pênalti. Não comento arbitragem, comento sobre meu time. E meu time teve as melhores oportunidades", disse Renato.

Além do gol, o Grêmio teve duas chances com Alisson antes do intervalo. Na etapa final, Diego Souza, Pepê e Isaque também criaram oportunidades para marcar. Todas fizeram falta.

Renato Portaluppi admitiu que a pontaria falhou, mas em outro trecho da entrevista voltou a falar espontaneamente sobre o pênalti. O chute de fora da área foi desviado de cabeça por Kannemann, mas na sequência a bola explodiu no braço do argentino.

A penalidade foi assinalada após revisão do VAR. Kannemann e Geromel receberam amarelo no lance.

"Tivemos esse lance infeliz, não vou comentar se foi pênalti ou não… Nem vi o lance aí. Mas esse lance tirou a vitória do Grêmio", afirmou o treinador do Grêmio.

O Grêmio soma seis pontos no Campeonato Brasileiro e volta a campo contra o Vasco, domingo, em São Januário.

Futebol