PUBLICIDADE
Topo

Justiça concede a Eduardo Sasha a rescisão de contrato com o Santos

Eduardo Sasha em jogo do Santos - Marcello Zambrana/AGIF
Eduardo Sasha em jogo do Santos Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

Eder Traskini e Thiago Fernandes

Do UOL, em Santos (SP) e em Belo Horizonte (MG)

31/07/2020 20h44

O atacante Eduardo Sasha conseguiu na justiça a rescisão de contrato com o Santos. O juiz concedeu ao jogador a tutela de urgência e o atleta, neste momento, está livre do vínculo com o Peixe. Como o UOL Esporte antecipou, Sasha foi o segundo atleta do Peixe a entrar na justiça pedindo a rescisão de contrato, um dia após o goleiro Everson.

Como publicou a coluna De Primeira, a defesa de Eduardo Sasha havia se manifestado após o Santos apresentar sua defesa e insistiu nos atrasos do FGTS dos meses de novembro e dezembro, antes da pandemia, além do fato do Peixe não ter apresentado o documento pedido pela justiça que provaria o acordo coletivo com os atletas pelo corte salarial.

Na defesa apresentada pelo Peixe, e obtida com exclusividade pelo UOL Esporte, o clube da Vila Belmiro negava o corte de 70% dos salários e falava em retenção emergencial com garantia de devolução de 45% do valor que não foi pago pelo clube nos últimos três meses, durante o período de paralisação.

No entanto, a Justiça, após analisar os fatos, concedeu a tutela de urgência ao atacante e liberou o jogador de seu contrato com o Santos. A decisão é provisória, o processo no todo ainda será julgado.

"Logo, diante de todos os fatos analisados, concedo tutela de urgência ao autor para declarar a rescisão indireta de seu contrato de trabalho com o Santos Futebol Clube, ficando autorizada a sua transferência "para outra entidade de prática desportiva, inclusive da mesma divisão, independentemente do número de partidas das quais tenha participado na competição, bem como disputar a competição que estiver em andamento", diz a decisão do juiz.

Santos