PUBLICIDADE
Topo

Defesa de Sasha contesta justificativas do Santos em ação trabalhista

Eduardo Sasha, atacante do Santos, tenta rescisão contratual por meio da justiça do trabalho - Ivan Storti/Santos FC
Eduardo Sasha, atacante do Santos, tenta rescisão contratual por meio da justiça do trabalho Imagem: Ivan Storti/Santos FC

Eder Traskini e Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte e Santos

31/07/2020 04h00

A defesa de Eduardo Sasha fez movimentação no processo em que tenta a rescisão com o Santos. Os advogados do jogador de 28 anos contestam três pontos apresentados pelo clube. Por determinação do juiz, os paulistas deveriam apresentar acordo assinado para o corte salarial de 70% dos atletas e comprovantes de pagamentos de depósitos. A defesa do atleta aponta que ambos não ocorreram — o Peixe apenas se justificou sobre a primeira e depositou em juízo a segunda situação. Outro aspecto é o tempo da dívida. Sasha se queixa de não receber salários e da falta de pagamento do FGTS desde novembro de 2019. O clube, por sua vez, diz que a pandemia do novo coronavírus é o que atrapalha na manutenção das contas em dia.

Para ler esta notícia na íntegra, além de outras novidades dos bastidores da bola, acesse a coluna De Primeira.

Santos