PUBLICIDADE
Topo

Cruzeiro

Mecenas diz que vai ajudar o Cruzeiro a quitar dívida por Willian na Fifa

Sérgio Santos Rodrigues, presidente do Cruzeiro, e Pedro Lourenço, patrocinador do Cruzeiro - Gustavo Aleixo/Divulgação/Cruzeiro
Sérgio Santos Rodrigues, presidente do Cruzeiro, e Pedro Lourenço, patrocinador do Cruzeiro Imagem: Gustavo Aleixo/Divulgação/Cruzeiro

Do UOL, em Belo Horizonte

26/05/2020 19h30

Conselheiro e patrocinador do Cruzeiro, Pedro Lourenço prometeu ajudar no pagamento da dívida ao Zorya, da Ucrânia, pela compra de Willian Bigode, ocorrida em 2014. Apoiador de Sérgio Santos Rodrigues na eleição ocorrida na última quinta-feira (21), o empresário disse que vai financiar o valor — R$ 11 milhões — para evitar que o clube sofra com a perda de mais seis pontos na Série B do Brasileirão.

"Jamais poderemos aceitar a situação que o Cruzeiro está. Isso [perda de pontos] não vai acontecer. O Sérgio [Santos Rodrigues] me procurou, fez uma reunião comigo. Eu tenho a ideia de continuar o patrocínio ao Cruzeiro, renovar no centenário. E nós não vamos permitir que o Cruzeiro perca mais pontos devido a esse pagamento. Temos que fazer um esforço. E eu, principalmente, vou fazer um esforço. Na gestão aí, não podemos deixar, não vamos perder seis pontos. Eu vou ajudar, espero que outros cruzeirenses iguais a mim ajudem também, mas o torcedor do Cruzeiro pode ter certeza que isso aí não vai acontecer", disse à Rádio Itatiaia.

Mesmo durante a pandemia do novo coronavírus, o dono do Supermercados BH manteve o pagamento do patrocínio máster concedido ao Cruzeiro. Ele ainda informou que sonha em presidir o clube após a gestão de Sérgio Santos Rodrigues.

"Eu sempre vou ajudar o Cruzeiro, não vou deixar nunca de ajudar o Cruzeiro. Ele (Sérgio) me fez essa proposta (para fazer parte da atual diretoria), mas eu não me sinto em condição ainda de aceitar ser algum diretor, alguma coisa. Um dia eu quero ser o presidente. Espero daqui a uns dois mandatos do Serginho. Ainda quero ser o presidente. Estou torcendo por ele, ajudando ele. Espero que ele seja um grande presidente pra subir o Cruzeiro, que é o que tem que ser feito", concluiu.

Cruzeiro