PUBLICIDADE
Topo

"Pupilo", Felipe Anderson lembra aplauso de torcida adversária para Neymar

Felipe Anderson e Neymar - Arquivo Pessoal
Felipe Anderson e Neymar Imagem: Arquivo Pessoal

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

26/05/2020 12h25

O meia-atacante Felipe Anderson, do West Ham (ING), foi coadjuvante de um dos jogos mais emblemáticos de Neymar com a camisa do Santos. Em 2012, o camisa 11 fez três gols e ainda deu assistência para o "pupilo" na vitória por 4 a 0 sobre o Cruzeiro. O craque santista deixou o campo aplaudido de pé pela torcida do clube mineiro.

"Foi especial por ter visto o reconhecimento do Brasil representado naquela torcida aplaudindo ele de pé depois de um espetáculo e de muita arte em campo. Ele (Neymar Jr) já vinha fazendo isso há muito tempo, então ali eu vi que estava jogando ao lado de um fenômeno, que era reconhecido até pela torcida adversária", disse Felipe Anderson ao site "neymarjr.com".

Juntos, Neymar e Felipe Anderson venceram a Libertadores em 2011, a Recopa Sul-Americana em 2012, além dos campeonatos paulistas dos dois anos citados. Pela seleção brasileira, os dois conquistaram o inédito ouro olímpico em 2016.

"Mando um abraço ao Felipe Anderson, meu pupilo, é assim que eu o chamava e dizer que, com certeza esse foi um dos momentos mais especiais da minha carreira. E ele é um amigo que eu tenho no futebol", disse Neymar ao site.

O atleta do West Ham é apenas um ano mais novo do que Neymar, mas revela que o atacante do PSG foi importante em seu desenvolvimento no Santos.

"Foi especial esse dia e eu guardo na minha memória. Por tudo que ele fez por mim?todos os conselhos e ânimo que ele me deu", lembrou.

Santos