PUBLICIDADE
Topo

Enderson promete resgatar o Cruzeiro que sempre "incomodou equipes do eixo"

Técnico Enderson Moreira foi oficialmente apresentado por videoconferência no Cruzeiro - Cruzeiro/Divulgação
Técnico Enderson Moreira foi oficialmente apresentado por videoconferência no Cruzeiro Imagem: Cruzeiro/Divulgação

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

26/03/2020 13h51

O técnico Enderson Moreira participou de uma entrevista coletiva virtual nesta manhã de quinta-feira (26). A apresentação à distância foi transmitida pelo canal oficial do Cruzeiro no Youtube. Da sua residência, o novo comandante respondeu perguntas enviadas pelos jornalistas e falou sobre a expectativa de resgatar um futebol empolgante para levar a Raposa de volta à primeira divisão do Campeonato Brasileiro.

"Eu quero que o Cruzeiro possa retomar o futebol de qualidade, futebol bem organizado, bem jogado, que o torcedor possa ver dentro de campo uma equipe que realmente represente toda tradição do Cruzeiro, que é um clube que sempre incomodou as equipes do eixo Rio-São Paulo. Que a gente possa manter isso e reconquistar essa forma audaciosa de jogar, time técnico, que possa entusiasmar nossos torcedores. É o que a gente pensa e imagina. Eu me sinto privilegiado por estar vivenciando este momento. Espero que eu consiga ter êxito", comentou.

Após o retorno do futebol brasileiro, Enderson terá duas tarefas complicadas. A primeira é se classificar para a semifinal do Campeonato Mineiro. Antes da parada, o Cruzeiro ficou a três pontos do quarto colocado (Caldense), faltando dois jogos para o fim da primeira fase. Na Copa do Brasil, a equipe também saiu atrás no duelo da ida contra o CRB, perdendo por 2 a 0 no Mineirão. O maior objetivo do clube, no entanto, sempre foi fazer uma boa Série B para retornar à primeira divisão nacional.

"Será o meu trabalho de maior responsabilidade. Sei muito bem o que representa este momento no Cruzeiro. Tive a oportunidade de participar de outros Campeonatos Brasileiros da Série B e vejo que quando um clube gigante, como é o Cruzeiro, participa da competição, há uma responsabilidade maior de fazer com que o clube volte sem sustos. Que possamos aproveitar este momento da reconstrução para resgatar o jogo do Cruzeiro e fazer com que o torcedor tenha orgulho de ver uma equipe que o represente da melhor forma possível", acrescentou.

Enderson pediu o desligamento do Ceará e chegou a Belo Horizonte desde a noite do último sábado. Na última segunda-feira, ele fez sua primeira reunião (também à distância) com a diretoria para avaliar o elenco e conversar sobre futuros reforços.

"A gente está analisando, já passei algumas ideias que tenho do que acho que podemos buscar, jogadores com perfil interessante. Não quero trazer para o Cruzeiro jogadores com perfil apenas da Série B. Quero trazer jogadores com perfil de Série A que possam participar de uma Série B, porque é importante que a gente tenha esse perfil. Então, espero que a gente possa fazer os ajustes. A gente tem muito atleta que vai entrar em forma, jogadores com lesão ou falta de treinamento. Acho que tem muita coisa para crescer", concluiu.

Cruzeiro