PUBLICIDADE
Topo

Jesualdo sobre derrota para rival: "seria igual se perdêssemos para outro"

Técnico Jesualdo, do Santos, observa o duelo contra o Corinthians - Daniel Vorley/Daniel Vorley/AGIF
Técnico Jesualdo, do Santos, observa o duelo contra o Corinthians Imagem: Daniel Vorley/Daniel Vorley/AGIF

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

02/02/2020 14h03

Classificação e Jogos

O Santos perdeu para o Corinthians na manhã de hoje (2) por 2 a 0, na Arena do rival, pela quarta rodada do Campeonato Paulista. A derrota no clássico, porém, não representou nada além da perda dos três pontos para o técnico Jesualdo Ferreira.

Para o português, perder para o rival corintiano é o mesmo de perder para qualquer outro adversário. Ele lembrou a derrota do Corinthians para a Ponte Preta na última rodada.

"A vida do clube não acabou hoje. Temos um caminho longo. É um clássico, mas seria exatamente igual se tivéssemos perdido para outra equipe. O Corinthians perdeu a semana passada para uma equipe da segunda divisão. Não morreu ninguém, olha o estádio hoje cheio. Isso é o futebol, o vosso futebol. Futebol também é relacionamento, conversa, entendimento fora do campo", afirmou Jesualdo em entrevista coletiva após o jogo.

O comandante santista terá a semana cheia para trabalhar sua equipe. Ele quer focar na parte física e psicológica do time, pois não gostou da forma como o Peixe reagiu quando sofreu o gol logo no primeiro minuto de jogo.

"Temos praticamente três semanas. Quando jogamos, também é parte do trabalho físico e tática da equipe. O trabalho que estamos fazendo não é para agora, é pensando na Libertadores e outros campeonatos. Nesta semana vamos trabalhar forte em relação a outras áreas e tornar a equipe mais forte na parte física. E não é só na parte corporal, mas na parte mental. Hoje a equipe não reagiu como devia reagir quando sofreu o gol. Isso não tem a ver somente com a questão física, mas com emocional e confiança. Confiança só vem com sucesso, que só vem com o trabalho", afirmou ele.

O Santos só volta a campo na próxima segunda-feira (10), quando recebe o Botafogo-SP, às 20h, na Vila Belmiro, pela quinta rodada do Paulistão.

Errata: o texto foi atualizado
Diferente do informado no segundo parágrafo, o técnico do Santos se referia ao rival corintiano. O erro foi corrigido.

Santos