PUBLICIDADE
Topo

Com gols relâmpagos, Corinthians vence o Santos em Itaquera

Do UOL, em São Paulo

02/02/2020 13h00

Classificação e Jogos

Em seu primeiro clássico em 2020, o Corinthians bateu o Santos por 2 a 0 com gols de Everaldo e Janderson hoje (2), em Itaquera, em partida válida pela quarta rodada do Campeonato Paulista. O placar foi construído graças a dois ataques fulminantes dos mandantes nos primeiros minutos dos dois tempos do jogo.

Com pouco mais de um minuto do primeiro tempo, Everaldo recebeu o cruzamento de Fagner e abriu o placar. Na segunda etapa, a história se repetiu: antes do segundo minuto, o time de Tiago Nunes ampliou o marcador com Janderson. O jogador foi expulso após comemorar com a torcida, em lance que causou polêmica.

Esta foi a segunda vitória corintiana na competição. Agora, o time lidera o Grupo D com 7 pontos, mas pode ser ultrapassado pelo Guarani, que recebe o Santo André ainda hoje. A situação do Santos é semelhante. Com os mesmos sete pontos, o time de Jesualdo lidera o Grupo A e pode ser superado pela Ponte Preta, que enfrenta a Inter de Limeira amanhã (3).

O Santos tem uma semana para se recuperar da derrota e se preparar para receber o Botafogo-SP na Vila Belmiro na próxima segunda-feira (10). Já o Corinthians tem pela frente o seu primeiro desafio na Libertadores nesta quarta-feira (5), contra o Guaraní, do Paraguai.

Fagner: mandou bem!

O lateral corintiano teve liberdade no lado direito para fazer uma ótima partida. Com apenas dois minutos de jogo, já havia dado uma assistência. Terminou o primeiro tempo acertando 81% dos passes que tentou e sete cruzamentos. Fagner também somou cinco desarmes, um deles em lance com Felipe Jonatan que gerou reclamação dos santistas.

Fagner - Daniel Vorley/Daniel Vorley/AGIF - Daniel Vorley/Daniel Vorley/AGIF
Fagner foi um dos destaques corintianos na manhã de hoje
Imagem: Daniel Vorley/Daniel Vorley/AGIF

Luiz Felipe: mandou mal!

Ficou feio na foto o escorregão do zagueiro ao tentar evitar o cruzamento de Boselli, que resultou no segundo gol corintiano. Além disso, ele foi pouco participativo na defesa santista.

Intensidade corintiana no começo dos dois tempos

O Corinthians chegou aos seus gols nos primeiros minutos dos dois tempos. E isso não diminuiu a intensidade do time. Com a vantagem do 1 a 0 na primeira etapa, o time continuou pressionando e poderia ter ido para o intervalo com mais gols. Após o 2 a 0 e com um jogador a menos, a equipe manteve o mesmo ritmo, deixando pouco espaço para o Santos tentar reagir.

Tiago Nunes - Marcello Zambrana/Marcello Zambrana/AGIF - Marcello Zambrana/Marcello Zambrana/AGIF
Tiago Nunes conseguiu o seu primeiro jogo sem sofrer gol na temporada
Imagem: Marcello Zambrana/Marcello Zambrana/AGIF

Faltou fôlego ao Santos

O time de Jesualdo Ferreira ficou sufocado diante da boa atuação corintiana. Pelo lado direito, Fagner e Janderson tiveram espaço para construir as jogadas que resultaram nos dois gols. No ataque, o Santos teve pouca efetividade, chegando ao fim da partida com apenas uma finalização no gol, contra sete do adversário.

Gol + expulsão

Janderson recebeu o ótimo cruzamento de Boselli e ampliou o placar no primeiro minuto do segundo tempo. Após comemorar junto à torcida, na escada de emergência da Arena, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso.

Janderson - Marcello Zambrana/Marcello Zambrana/AGIF - Marcello Zambrana/Marcello Zambrana/AGIF
Janderson comemora segundo gol do Corinthians sobre o Santos com torcedores
Imagem: Marcello Zambrana/Marcello Zambrana/AGIF

5 meses em um minuto

Everaldo, que entrou na quinta-feira passada contra a Ponte Preta, foi titular pelo Corinthians pela primeira vez após cinco meses. Recuperado de um problema no púbis, demonstrou muita vontade desde o pontapé inicial. Finalizou por cima do gol com 20 segundos de jogo e balançou as redes um minuto depois.

Cronologia do jogo

Corinthians não deixou o Santos respirar no início da partida em Itaquera. Logo após o pontapé inicial, Everaldo arriscou um chute de fora, forçando defesa de Everson. No minuto seguinte, após cruzamento de Fagner, o atacante teve outra chance e conseguiu abrir o placar.

Essa intensidade corintiana norteou boa parte do primeiro tempo. Sem conseguir ter espaço em campo, o Santos viu o time adversário ir para o intervalo com nove finalizações, contra apenas uma dos santistas.

O segundo tempo voltou com o mesmo roteiro: Corinthians marcando gol com um minuto de jogo. Desta vez, o cruzamento foi de Boselli, que encontrou Janderson em boa posição para chutar na saída do goleiro Everson. Após comemorar com a torcida, o atacante foi expulso pelo árbitro.

O Santos chegou a balançar a rede na metade do primeiro tempo, porém Luiz Flávio de Oliveira marcou falta de Uribe em Fagner e anulou o gol.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 2 x 0 SANTOS

Competição: Campeonato Paulista (4ª rodada)
Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Data: 02/02/2020 (domingo)
Horário: 11h (de Brasília)
Público: 40.669
Renda: R$ 2.355.356,04
Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis e Daniel Paulo Ziolli
Gols: Everaldo aos 1' do primeiro tempo; Janderson aos 1' do segundo tempo.
Cartões Amarelos: Janderson e Cássio (Corinthians); Jobson (Santos)
Cartão Vermelho: Janderson (Corinthians)

Corinthians: Cássio, Fagner, Pedro Henrique, Gil e Sidcley; Camacho (Gabriel), Cantillo, Everaldo (Mateus Vital), Luan (Lucas Piton) e Janderson; Boselli. Técnico: Tiago Nunes

Santos: Everson, Pará, Luiz Felipe, Luan Peres e Felipe Jonatan; Jobson (Uribe), Sandry (Evandro) e Diego Pituca; Kaio Jorge (Jean Mota), Raniel e Eduardo Sasha. Técnico: Jesualdo Ferreira