PUBLICIDADE
Topo

Queridinho da internet, goleiro já até fez gol e pode estrear no São Paulo

Lucas Perri durante treino do São Paulo; goleiro vai completar 22 anos na próxima semana e está no clube desde 2013 - Marcello Zambrana/AGIF
Lucas Perri durante treino do São Paulo; goleiro vai completar 22 anos na próxima semana e está no clube desde 2013 Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

Bruno Grossi

Do UOL, em São Paulo

08/12/2019 04h00

Classificação e Jogos

O domingo (8) será um dia histórico para Lucas Perri. Depois de se destacar nas categorias de base do São Paulo e passar as últimas três temporadas integrando o elenco principal, o goleiro poderá jogar sua primeira partida como profissional. Ele deve ser titular de uma equipe alternativa, repleta de jovens, que Fernando Diniz vai escalar para enfrentar o CSA pela última rodada do Campeonato Brasileiro.

Perri chegou ao São Paulo no segundo semestre de 2013, depois de deixar a Ponte Preta em uma transferência considerada polêmica. Quando chegou, impressionou a todos pela altura que tinha mesmo tão novo - estava com 16 anos - e também por ter conseguido marcar um gol na carreira. Em jogo contra o Bahia, ele tentou cobrar uma falta do meio de campo para a área e acabou surpreendendo o goleiro adversário.

Em 2014, Rogério Ceni estava no penúltimo ano da carreira e chegou a pedir que Perri treinasse no CT da Barra Funda frequentemente. Nos dois anos seguintes, o jovem goleiro foi destaque na conquista de seis títulos pela equipe sub-20, incluindo a inédita Copa Libertadores da América da categoria, em 2016. Até que, na temporada seguinte, foi promovido de vez ao profissional graças a Ceni, já treinador.

A instabilidade de goleiros mais velhos, como Denis, Sidão e Renan Ribeiro, fez com que a torcida criasse esperanças sobre Perri. O sucesso na base, com convocações para a seleção brasileira, reforçava o sentimento. Inúmeras campanhas foram iniciadas nas redes sociais para que o garoto ganhasse uma oportunidade. Até por isso, a contratação de Jean, na virada de 2017 para 2018, foi tão criticada.

Essa pressão virtual dos torcedores foi amansada com a chegada de Tiago Volpi para esta temporada. O camisa 23 só havia sido poupado uma vez até hoje, quando Jean enfrentou o São Bento no Campeonato Paulista, e foi até eleito o melhor jogador do São Paulo no ano em eleição feita pelo Banco Inter, patrocinador do clube, nas redes sociais.

Perri passou o primeiro semestre emprestado, justamente por imaginar uma redução de espaço com a presença de um goleiro experiente como Volpi. A Fiorentina não conseguiu levá-lo, enquanto o Crystal Palace fechou um acordo curto. O jovem acabou participando apenas de partidas da equipe sub-23 e voltou, frustrando os planos da diretoria em arrecadar mais em vendas neste ano.

A chance de estreia apareceu agora, na última rodada do Brasileirão. Jean, que é o reserva imediato de Volpi, está voltando de lesão, e a comissão técnica não quer arriscar. Além disso, há um consenso de que Perri merece, enfim, jogar.

Band: "Sentimento de alívio", diz Vitor Bueno, sobre vitória sobre o Inter

Band Sports

FICHA TÉCNICA:
CSA X SÃO PAULO

Local: Rei Pelé, em Maceió (AL)
Data/Hora: 8 de dezembro de 2019, às 16h
Árbitro: Alisson Sidnei Furtado (TO)
Assistentes: Fábio Pereira e Cipriano da Silva Sousa (ambos de TO)
VAR: Elmo Alves Resende Cunha (GO)

CSA: Jordi; Euller, Luciano Castan, Alan Costa e Rafinha; Dawhan, Nilton, Matheus Prado e Bruno Alves; Bustamante e Ricardo Bueno. Técnico: Jacozinho.

SÃO PAULO: Lucas Perri, Igor Vinícius, Walce, Diego e Léo; Luan, Liziero e Igor Gomes; Helinho, Toró e Antony (Gabriel Sara). Técnico: Fernando Diniz.

São Paulo