PUBLICIDADE
Topo

Flamengo

Com show de Arrascaeta, Fla goleia Avaí na despedida do Maracanã no ano

Do UOL, no Rio de Janeiro

05/12/2019 21h51

O Flamengo fez o que dele se esperava nesta quinta-feira. Na despedida do Maracanã no ano, o time superou o temporal com uma chuva de gols e bateu o Avaí: 6 a 1. Arrascaeta foi o grande nome do jogo. Além de abrir o placar, ele participou diretamente de outros dois gols do Rubro-Negro com passes para Gabigol e Lincoln. Diego e Reinier (duas vezes) completaram o placar.

E a goleada foi desenhada por um time misto do Flamengo, já que o técnico Jorge Jesus decidiu poupar seis titulares: Diego Alves, Rodrigo Caio, Filipe Luís, Willian Arão, Gerson e Bruno Henrique. Com a vitória, o time chegou aos 90 pontos e para ampliar o recorde de melhor pontuação em um Brasileiro. A rodada final será contra o Santos, na Vila Belmiro.

Quem foi bem? Arrascaeta, Gabigol e Reinier

O uruguaio foi o grande destaque do jogo. Além de deixar sua marca, ele também deu duas assistências e foi o mais decisivo entre os atletas. Gabigol não ficou atrás e foi um dos que mais deram trabalho ao time do Avaí. Reinier também se destacou: entrou no fim do jogo e marcou duas vezes.

Quem foi mal? Piris

Não é que o volante tenha jogado mal, mas é o jogador que destoa no meio de campo. Diego entrou na vaga de Gerson e deu conta do recado, mas o paraguaio representa uma queda em relação a Willian Arão. Participou apenas da marcação. Muito pouco.

Mesmo com time misto, Fla pressiona Avaí

O técnico Jorge Jesus optou por poupar seis titulares e, mesmo assim, o Flamengo era muito superior em campo. Com Gabigol e Arrascaeta muito ligados em campo, o Rubro-negro pressionou desde os primeiros minutos e o gol parecia questão de tempo

Arrascaeta abre placar em jogada ensaiada

O gol, de fato, não demorou a sair. E ocorreu com o dedo do técnico Jorge Jesus. Em falta da intermediária, Arrascaeta optou por jogada ensaiada e acionou Rafinha na direita. O lateral direito cruzou para Lincoln, que só rolou para o uruguaio chutar de primeira e estufar as redes: 1 a 0.

Soberano, Fla acumula chances perdidas

O Flamengo não era só o melhor na partida. Era, na verdade, muito superior em campo. Não parecia sentir a ausência de meio time titular e seguia na pressão em busca do segundo. Arrascaeta perdeu uma chance após grande jogada de Gabigol. Everton Ribeiro, por sua vez, acertou o travessão em cobrança de falta.

Avai empata em 1º ataque

O jogo se desenhava para mais uma fácil goleada para o Flamengo. Mas futebol tem dessas coisas. Os donos da casa perdiam chances, enquanto o Avaí empatou o duelo em seu primeiro chute a gol. Lourenço chutou da entrada da área e viu a bola beijar a trave antes de bater nas costas de César e entrar: 1 a 1.

Diego recoloca Fla na frente com golaço

Apesar do empate, o Flamengo em nenhum momento parecia preocupado e tinha a certeza de que a vitória chegaria. E o segundo gol saiu dos pés de Diego. O camisa 10 dominou na entrada da área e colocou a bola onde a coruja dorme. Golaço: 2 a 1.

Hoje teve gol do Gabigol

Não poderia faltar o dele na despedida do Flamengo do Maracanã em 2019. Gabigol buscava o tempo todo e deixou sua marca aos 38min. Ele recebeu passe de Arrascaeta e chutou de fora da área. Mais um golaço: 3 a 1.

Lincoln transforma vitória em goleada

Em busca do gol desde os primeiros minutos, Lincoln conquistou seu objetivo logo no início do segundo tempo. Após bela troca de passes, Arrascaeta encontrou o centroavante, que fuzilou a meta: 4 a 1

Reinier entra, faz dois e dá números finais

Com a goleada já definida, Jesus mandou atletas descansados a campo. Um deles foi Reinier, que entrou com fome de gol. Após linda tabela com Diego, o jovem atacante deslocou Vladimir e deixou sua marca. Minutos depois, recebeu cruzamento de Rafinha para decretar o placar final: 6 a 1.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 6 x 1 AVAÍ

Data e hora: 05/12/2019, quinta-feira, às 20h (horário de Brasília)
Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Jefferson Ferreira de Moraes (GO)
Auxiliares: Bruno Raphael Pires (GO) e Leone Carvalho Rocha (GO)
VAR: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Cartões amarelo: Lourenço (AVA)
Gols: Arrascaeta, aos 10min, e Lourenço, aos 21min, Diego, aos 37min, Gabigol, aos 38min do primeiro tempo; Lincoln, aos 11min, Reinier, aos 38min e aos 43min do segundo tempo

FLAMENGO: César; Rafinha, Thuller, Rhodolfo e Renê; Piris, Diego, Everton Ribeiro (Willian Arão) e Arrascaeta (Gerson); Lincoln (Reinier) e Gabigol. Técnico: Jorge Jesus

AVAÍ: Vladimir, Lourenço, Kunde, Marquinhos e Igor Fernandes; Luanderson (Gabriel Lima), Ramon Pereira, Wesley e Richard Franco; Jonathan e Caio Paulista (Vinicius Araújo). Técnico: Evando Camilatto

Flamengo