Topo

Campeão mundial sub-17, Marcelo vira alternativa nos profissionais do Flu

Marcelo será alternativa no elenco profissional do Fluminense - Lucas Merçon/Fluminense FC
Marcelo será alternativa no elenco profissional do Fluminense Imagem: Lucas Merçon/Fluminense FC

Caio Blois

Do UOL, no Rio de Janeiro

20/11/2019 04h00

Tratado como uma joia na base do Fluminense, o goleiro Marcelo fez parte do grupo tetracampeão no Mundial sub-17. E agora terá participação maior também no elenco profissional do Tricolor. Se já vinha alternando treinos com o time comandado por Marcão, agora, o jovem de 16 anos retorna da seleção como alternativa para a posição no elenco.

Sem Muriel, lesionado, e Rodolfo, com contrato suspenso enquanto se defende de acusação por doping, o Flu tem apenas Marcos Felipe e Agenor em condições de jogo dentre os goleiros que começaram 2019 como parte do time profissional. Titular do sub-20, apesar da pouca idade, Marcelo provavelmente será a terceira opção no gol, ainda que os tricolores esperem não ser necessária a utilização do jovem.

Desde o início da temporada, o goleiro campeão mundial sub-17 acumula treinos com os profissionais. A maioria de seus trabalhos já é sob supervisão do preparador André Carvalho, ainda que atue pelas divisões de base regularmente. Com poucas opções no gol, ele deve revezar com os também jovens Heitor e Pedro no posto.

Para 2020, entretanto, é bem possível que o goleiro seja integrado de vez aos profissionais, descendo para os juniores só para jogos decisivos. O Fluminense, que assinou recentemente o primeiro contrato profissional de Marcelo com vínculo até 2022, tem apenas Muriel e Marcos Felipe garantidos na posição para o ano que vem, e não deve estender o vínculo de Agenor, que se encerra em dezembro deste ano.

Toda a preparação e o planejamento com Marcelo foram feitos desde sua chegada ao clube, aos 8 anos, ainda para o futsal. Natural de Niterói, na região metropolitana do Rio de Janeiro, ele já se projetava como um dos melhores de sua geração desde o início da formação. Além disso, mostrou ter sorte, o que é importante na posição.

Em 2018, após desfalques e com outras categorias disputando competições importantes, ele participou da pré-temporada dos profissionais na Florida Cup, com apenas 15 anos. O destaque foi confirmado com convocações para todas as seleções de base até aqui. Já no sub-20, ainda com 16 anos, vinha tendo grandes atuações.

Fluminense