Topo

Igor Gomes sai do banco novamente e faz São Paulo crescer para entrar no G4

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

20/10/2019 18h11

O São Paulo não brilhou, mas fez o suficiente para derrotar o Avaí por 1 a 0 hoje (20), no Morumbi. Depois de um primeiro tempo sonolento mesmo com um jogador a mais desde os 22 minutos, a equipe só melhorou de desempenho na etapa final com a entrada de Igor Gomes no lugar de Bruno Alves. O jovem, que não é titular há cinco meses, criou boa parte dos lances ofensivos do Tricolor e deixou o campo aplaudido. O resultado foi celebrado porque colocou o time no G4 do Campeonato Brasileiro.

A expectativa agora é de que o garoto, de 20 anos, tenha enfim uma chance de iniciar a partida contra o Atlético-MG, no próximo domingo, também no Morumbi. Contra o último colocado do Brasileirão, o meio-campo foi formado por Luan, Tchê Tchê e Liziero. Antony, Pato e Vitor Bueno começaram na linha mais ofensiva.

Apesar do desejo e dos elogios da torcida, o meio-campista tem sido pouco aproveitado neste ano. Em relação a seu antecessor, Fernando Diniz vai aproveitando seu futebol, mas ainda em medidas controladas.

Na era Cuca, ele foi titular apenas em cinco jogos, sendo o último no dia 22 de maio, contra o Bahia, pela Copa do Brasil. A melhor fase do meio-campista foi quando o coordenador técnico Vagner Mancini dirigiu o time no Campeonato Paulista. Pelas quartas de final do estadual, contra o Ituano, marcou dois gols. Depois teve atuações importantes em confrontos com Palmeiras e Corinthians.

Porém, com a chegada de Cuca, a partir do segundo confronto da semifinal, as chances diminuíram. Neste período, ele até teve a chance de deixar o clube. Na ocasião, o treinador nem mesmo se mostrou incomodado com a possibilidade de o São Paulo acertar um empréstimo para cessão do jogador. A diretoria, no entanto, entendeu que era importante segurar o jovem em seu elenco e recusou uma oferta de um time europeu.

Cuca também não se opôs e liberar o jogador para integrar a delegação da seleção brasileira durante os amistosos com Colômbia e Peru, nos dias 6 e 11 de setembro, respectivamente. O convite foi feito em agosto e a comissão técnica avaliou que poderia ficar sem o jovem, que era pouco utilizado. Por coincidência, o Daniel Alves fora convocado também, e Hernanes sofrera lesão neste período. Desta maneira, Cuca precisou improvisar no meio de campo e a ausência de Igor Gomes gerou críticas da torcida.

São Paulo