PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Grêmio arrasa o Avaí com show de Luan e Everton e encosta de vez no G4

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

26/09/2019 21h49

O Grêmio goleou o Avaí hoje (26), em Porto Alegre, por 6 a 1. A vitória avassaladora, comandada por atuação de luxo de Everton e Luan em jogo pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro, deixa o time gaúcho colado no G4 e dá ainda mais ânimo ao clube gremista para o duelo com o Flamengo, pela semifinal da Libertadores.

Diego Tardelli, David Braz, Luan e Luciano marcaram ainda no primeiro tempo. Bruno Cortez e André, na etapa final, fecharam o placar. Gegê, aos 41 minutos do segundo tempo, fez o gol de honra do Avaí.

É fato que a fragilidade do adversário catarinense esteve em campo o tempo todo. Mas também houve grande atuação do ataque gremista, avassalador no primeiro tempo e capaz de criar grande jogada que terminou com o golaço de Luciano.

Com o placar expressado construído na Arena do Grêmio, o time de Renato Gaúcho chega à quarta vitória seguida no Brasileirão. Acumula 34 pontos (dois a menos que o Inter, quarto colocado) e termina a rodada em sétimo. O Avaí estaciona nos 16 pontos e é penúltimo.

Na próxima rodada, o Grêmio visita o Fluminense e o Avaí recebe o Bahia. O time gaúcho atua domingo, às 16h (horário de Brasília), no Rio de Janeiro e a equipe catarinense entra em campo na segunda-feira, às 20h.

Quem foi bem: Everton

Os dribles característicos, a agilidade marcante e a jogada infalível na ponta esquerda ajudaram o Grêmio. Cebolinha fez outra atuação no nível Everton.

Quem decepcionou: Vladimir

O goleiro do Avaí deu rebote para frente no lance que terminou com o primeiro gol do Grêmio. Ao longo de toda a etapa inicial, protagonizou uma novela com a comissão técnica sobre sua condição. O choque com os atacantes gremistas deixaram o jogador lesionado, mas ele seguiu em campo até o intervalo.

Quem decidiu: Luan

Luan comemora gol do Grêmio contra o Avaí - Pedro H. Tesch/AGIF - Pedro H. Tesch/AGIF
Imagem: Pedro H. Tesch/AGIF

Meia-atacante deu duas assistências (para David Braz e Luciano) e ainda marcou um gol. Foi crescendo de rendimento ao longo da partida com bons passes curtos e oportunismo.

Grêmio atropela Avaí e faz 4 a 0 no primeiro tempo

Luciano comemora gol do Grêmio contra o Avaí - Jeferson Guareze/AGIF - Jeferson Guareze/AGIF
Imagem: Jeferson Guareze/AGIF

O Grêmio demonstrou apetite e impetuosidade. O ataque conseguiu abrir espaços facilmente e a movimentação do quarteto Luciano, Luan, Everton e Diego Tardelli se mostrou letal. Apesar da goleada, o primeiro tempo não registrou posse de bola massacrante. A estatística equilibrada (53% para o time gaúcho) reforça o conceito de que sobrou precisão ao tricolor.

No segundo tempo o ritmo caiu, mas a superioridade gremista ainda foi evidente. O volume rendeu gol a Bruno Cortez, com desvio no meio do caminho, e André, de cabeça. No final, ficou a impressão de que maior pressão renderia placar ainda maior.

Avaí desmorona cedo e vira presa fácil

Uma defesa com cara de presa fácil. Mesmo com estratégia e esforço, o Avaí resistiu somente quatro minutos e a partir do primeiro gol viu ruiu a atuação coletiva por completo. Em determinado momento, a equipe catarinense teve a bola e rodou sem objetividade. A melhor oportunidade foi um cabeceio fraco depois de cruzamento isolado da direita.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO 6 X 1 AVAÍ

Data e hora: 26/09/2019 (quinta-feira), às 20h (horário de Brasília)
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)

Árbitro: Rodolpho Toski Marques (PR)
Auxiliares: Bruno Boschilia (PR) e Vitor Hugo dos Santos (PR)
Árbitro de vídeo: Rodrigo Ferreira do Amaral (SP)
Cartões amarelos: Jonathan (AVA); Michel (GRE)

Gols: Diego Tardelli, aos 4 minutos do primeiro tempo (GRE); David Braz, aos 14 minutos do primeiro tempo (GRE); Luan, aos 37 minutos do primeiro tempo (GRE); Luciano, aos 44 minutos do primeiro tempo (GRE); Bruno Cortez, aos 18 minutos do segundo tempo (GRE); André, aos 24 minutos do segundo tempo (GRE); Gegê, aos 41 minutos do segundo tempo (AVA)

GRÊMIO: Paulo Victor; Rafael Galhardo (Léo Moura), David Braz, Kannemann e Bruno Cortez; Michel, Matheus Henrique, Luciano (André), Luan e Everton; Diego Tardelli (Patrick)
Técnico: Renato Gaúcho

AVAÍ: Vladimir (Gledson); Iury, Betão, Zé Marcos e Igor Fernandes; Richard Franco (Johny Mosquera), Pedro Castro e Matheus Barbosa; Caio Paulista, Jonathan e Gustavo Ferrareis (Gegê)
Técnico: Alberto Valentim

Futebol