Topo

Raios seguram Athletico-PR em avião, e time cancela treino antes de final

Temporal nas proximidades do aeroporto de Porto Alegre "prende" delegação do Athletico - Divulgação/Fraport
Temporal nas proximidades do aeroporto de Porto Alegre "prende" delegação do Athletico Imagem: Divulgação/Fraport

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

17/09/2019 19h13Atualizada em 17/09/2019 20h31

O Athletico Paranaense encontrou dificuldades para desembarcar em Porto Alegre em razão de um forte temporal que desabou sobre a capital gaúcha na tarde de hoje (17). O aeroporto Salgado Filho teve atividades suspensas diversas vezes e acabou atrapalhando os planos do Rubro-Negro na capital gaúcha às vésperas da final da Copa do Brasil.

Foram horas "preso" dentro do voo. Tudo porque as atividades de solo estiveram fechadas em diversos momentos em razão da forte chuva acompanhada por raios que caíram desde o início da tarde, principalmente na zona norte de Porto Alegre.

A delegação do Athletico chegou perto das 17h, dentro do horário previsto. O avião que trouxe o grupo de atletas conseguiu pousar na pista do aeroporto. No entanto, por conta dos raios, as operações de solo foram suspensas e os jogadores precisaram ficar na aeronave por um longo período.

A entrevista coletiva conjunta de Bruno Guimarães e Paolo Guerrero não aconteceu. O peruano atendeu os jornalistas sozinho às 18h, no horário programado. Até mesmo o treinamento que o Athletico faria no Beira-Rio foi cancelado.

Apenas no início da noite o entrave foi vencido. A delegação do Athletico Paranaense conseguiu chegar ao hotel que servirá de concentração em Porto Alegre pouco antes das 20h30 (de Brasília), mais de três horas depois da chegada.

Athletico Paranaense e Internacional decidem a Copa do Brasil amanhã, às 21h30 (de Brasília). Como venceu o jogo de ida por 1 a 0, o time visitante joga por qualquer vitória ou empate. Vitória gaúcha por um de diferença leva a decisão para os pênaltis e o Inter é campeão caso supere o rival por dois ou mais de vantagem.