Topo

Seleção Brasileira


Seleção tenta resolver impasse com Kuwait, Argélia e Senegal para amistosos

Siga o UOL Esporte no

Bruno Grossi e Pedro Ivo Almeida

Do UOL, em Los Angeles (EUA) e Rio de Janeiro (RJ)

11/09/2019 04h00

A seleção brasileira já tem data para voltar a campo após as partidas sem vitórias contra Colômbia e Peru, neste mês, nos Estados Unidos. Os próximos compromissos foram marcados para os dias 11 e 15 de outubro, em mais dois amistosos da próxima data Fifa. Os adversários, no entanto, ainda não estão definidos.

A comissão técnica já escolheu — e encaminhou acerto — com quem quer jogar. Argélia, atual campeã da Copa Africana de Nações, e Senegal, melhor africano no ranking da Fifa (20º), são os rivais desejados por Tite e companhia. Só que há um terceiro e complicado país no meio da concretização dos acordos: o Kuwait.

Inicialmente, o país da península arábica da Ásia ocidental procurou a Pitch, empresa que detém os direitos de comercialização dos amistosos da seleção brasileira. A CBF até toparia o local, mas gostaria de definir os adversários. E os africanos citados acima são o desejo de Tite.

O governo do Kuwait, no entanto, gostaria de ver a própria seleção atuando contra a equipe que tem Neymar. O fato não agrada aos brasileiros, que rechaçam novos amistosos contra equipes de menor expressão.

Na volta ao Brasil, Tite e a cúpula da CBF tentarão alinhar com a Pitch a situação. Os comandantes da seleção não pretendem recuar nas negociações para enfrentar as duas seleções africanas já encaminhadas.

O fato é mais um capítulo da conturbada relação entre Tite e a empresa que comercializa os jogos. Essa crise se tornou pública ontem após a derrota por 1 a 0 para o Peru, em Los Angeles. O técnico disparou contra a logística feita nos Estados Unidos, citando a viagem longa entre os amistosos e, principalmente, o gramado do Memorial Coliseum no duelo com os peruanos.

Argentina e Coreia do Sul em jogos na Arábia Saudita

Para a data Fifa de novembro, os amistosos já têm adversários definidos. De volta à Arábia Saudita, o Brasil irá enfrentar a Argentina, no dia 14 ou 15, e a Coreia do Sul, no dia 19. O primeiro duelo será na capital saudita, Riad, enquanto o segundo ainda depende de detalhes finais na negociação com o governo local. Os duelos em terras sauditas encerram a temporada da seleção em 2019. Em março de 2020, as Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022 já começam.

Mais Seleção Brasileira