Topo

Futebol

Seleção Brasileira feminina


Andressa Alves lamenta corte de Marta, mas torce por renovação na seleção

Rener Pinheiro / MoWA Press
Imagem: Rener Pinheiro / MoWA Press

Do UOL, em São Paulo

26/08/2019 20h04

A seleção brasileira feminina sentiu o impacto da lesão e do corte de Marta hoje (26), mas Andressa Alves fez mais do que lamentar. A atacante aproveita para torcer pela ascensão de nomes novos para a equipe, como as novatas Yayá, do São Paulo, e Millene, do Corinthians.

"A Marta é a Marta, então ela sempre vai fazer falta para a gente. Fico muito triste que ela tenha se lesionado, porque ela estava fazendo uma temporada boa no Orlando, então desejo que ela possa se recuperar primeiro. Ela sabe que é uma peça fundamental, assim como a Formiga e a Cris [Cristiane], que está lesionada", disse Andressa em entrevista coletiva.

"As três são os pilares da seleção, mas tomara que a gente não se apegue só às três. Porque um dia as três vão parar e vão ter de surgir outras 'Yayás', outras 'Millenes', que vêm arrebentando no Brasileirão. A gente tem de começar a abrir a cabeça. O futebol brasileiro tem muitas craques além das três", concluiu a atacante, que se lesionou durante a Copa do Mundo e não disputou os dois últimos jogos do Brasil - então comandada por Vadão, a seleção foi eliminada nas oitavas diante da França.

Seleção Brasileira feminina