Topo

Daniel Alves e Juanfran querem estrear no SPFC, mas não devem pegar Santos

Técnico Cuca comanda treinamento do São Paulo no CT da Barra Funda - Marcello Zambrana/AGIF
Técnico Cuca comanda treinamento do São Paulo no CT da Barra Funda Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

Flávio Latif e José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

06/08/2019 04h00

Como o UOL Esporte publicou, a tendência é de que Cuca não conte com Daniel Alves e Juanfran no clássico entre São Paulo e Santos neste sábado (10). No entanto, a badalada dupla de reforços já sinalizou que gostaria de estrear pelo Tricolor paulista o mais rápido possível. Segundo integrantes do departamento de futebol, eles deixaram claro que têm o desejo de vestir a camisa do time do Morumbi já neste confronto válido pelo Campeonato Brasileiro.

Mas a probabilidade maior é de os dois laterais não estarem à disposição. Afinal, algumas questões fazem Cuca pensar em uma maneira de montar a equipe sem a dupla. Os dois talvez não estejam nem sequer regularizados até a partida deste fim de semana. O clube corre contra o tempo para inscrevê-los no BID (Boletim Diário Informativo) da CBF.

No caso de Juanfran, esse problema pode ser até um pouco mais simples de ser solucionado. É necessário acertar a situação do espanhol na Polícia Federal e passar os documentos para a entidade que dirige o futebol nacional. Já Daniel Alves, por não atuar no país há muitos anos, precisa resolver mais questões burocráticas e atualizar documentos. Porém, essas pendências até podem ser superadas antes do fim de semana.

Pelo lado esportivo, a dupla não atua há bastante tempo. Apesar de não deixar de trabalhar o físico mesmo durante as férias, a falta de ritmo de jogo pode atrapalhar. Aos 36 anos, Daniel Alves disputou o seu último confronto na final da Copa América, no dia 7 de julho. O capitão da seleção brasileira chegou ontem (5) a São Paulo e vai receber uma festa do clube e da torcida hoje (6) à noite no Morumbi. Ele deve começar a treinar ainda nesta semana.

Já Juanfran, de 34 anos, não entra campo desde o dia 18 de maio, no empate por 2 a 2, com o Levante, pelo Campeonato Espanhol. A expectativa é de que ele chegue ao Brasil amanhã (7). A apresentação oficial dele deve acontecer no CT da Barra Funda. Por isso, ainda que fosse direto do aeroporto para o CT, o estrangeiro teria apenas três dias para treinar.

Por mais que os dois sejam experientes, é preciso um tempo para que fiquem bem adaptados ao clube. Além disso, seria uma pressão encarar o líder da competição em uma partida com já com caráter decisivo.

São Paulo