Topo

Futebol


André faz dois, Grêmio elimina Libertad e encara Palmeiras na Libertadores

Centroavante encerrou jejum de 11 jogos ao ampliar vitória gremista em Assunção, no Paraguai - NORBERTO DUARTE / AFP
Centroavante encerrou jejum de 11 jogos ao ampliar vitória gremista em Assunção, no Paraguai Imagem: NORBERTO DUARTE / AFP

Do UOL, em Porto Alegre

01/08/2019 23h21

O Grêmio venceu o Libertad de novo e confirmou classificação na Libertadores. Hoje (1), em Assunção, o time gaúcho fez 3 a 0 no clube paraguaio com os gols de Jean Pyerre e André, duas vezes, ainda no primeiro tempo. Agora, a equipe de Renato Gaúcho enfrenta o Palmeiras, nas quartas de final.

A vitória no estádio Defensores Del Chaco foi construída cedo, sem muita resistência do time local, mas Paulo Victor fez duas boas defesas e ajudou o Grêmio a garantir vantagem folgada no placar. O time gaúcho já havia vencido o primeiro jogo das oitavas de final, em Porto Alegre, por 2 a 0.

Grêmio e Palmeiras jogarão primeiro em Porto Alegre e a segunda partida, consequentemente, em São Paulo. As datas ainda serão confirmadas pela Conmebol. O time gaúcho volta a campo na próxima segunda-feira, pela décima terceira rodada do Campeonato Brasileiro, contra a Chapecoense.

Quem brilhou: André

Centroavante encerrou o jejum de 11 jogos sem marcar em grande estilo. Primeiro, acertou linda finalização de primeira na entrada da área. Depois, foi oportunista para pegar rebote, driblar o goleiro e ampliar mais o placar.

Quem decepcionou: Everton

Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Imagem: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Artilheiro do Grêmio no ano, Cebolinha deu as arrancadas tradicionais e tentou dribles. Apesar do esforço, ficou abaixo do próprio nível e bem atrás de nomes como Jean Pyerre e André quando o assunto diz respeito ao desempenho no Paraguai.

Gremistas brinca com transmissão no Facebook e André

Comemorar gols de André mexeu com os gremistas. Durante o jogo, a torcida do Grêmio brincou com o fato de a transmissão ser exclusiva pelo Facebook e o fim do jejum do atacante. O gancho era uma espécie de meme ou fake news com relação ao camisa 19.

Grêmio faz jogo frio e letal

Jean Pyerre abriu o placar de pênalti, logo aos seis minutos do primeiro tempo - Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Jean Pyerre abriu o placar de pênalti, logo aos seis minutos do primeiro tempo
Imagem: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Menos posse de bola, mas com frieza e concentração. O Grêmio controlou o jogo mostrando atitude para não se acomodar com o resultado em Porto Alegre. A equipe de Renato Gaúcho soube esperar os espaços concedidos pelo Libertad para atacar e foi letal. Com velocidade e oportunismo.

No intervalo, Maicon foi sacado para entrada de Thaciano e viu o ritmo do jogo cair. Ao longo da etapa final, Diego Tardelli e Luan entraram nas vagas de Everton e André.

Libertad se abate cedo

Os donos da casa sentiram o gol de Jean Pyerre, de pênalti, mas o golpe de misericórdia foi a conclusão precisa de André. Com o 2 a 0, o Libertad acusou o golpe e diminuiu o ritmo.

Vento forte em Assunção

A ventania na capital do Paraguai gerou cenas curiosas. A primeira foi no pênalti cobrado por Jean Pyerre: o meia do Grêmio precisou se esforçar bastante para conseguir achar um local em que a bola não fosse carregada pelo vento. Minutos depois, uma base de placa de publicidade foi carregada para dentro do gramado. O árbitro precisou paralisar o duelo.

Cronologia do jogo

Jean Pyerre, de pênalti, abre o placar aos 6 minutos do primeiro tempo. André chuta de fora da área e faz 2 a 0 aos 20 minutos da etapa inicial. Aos 46, André marca de novo e anota 3 a 0.

FICHA TÉCNICA
LIBERTAD 0 X 3 GRÊMIO

Data e hora: 01/08/2019 (quinta-feira), às 21h30 (horário de Brasília)
Local: estádio Defensores Del Chaco, em Assunção (PAR)
Árbitro: Víctor Carrillo (PER)
Auxiliares: Jonny Bossio (PER) e Jesús Sánchez (PER)
Árbitro de vídeo: Daniel Fedorczuk (VEN)
Cartões amarelos: Blas Cáceres, Paulo Da Silva (LIB); Thaciano (GRE)
Gols: Jean Pyerre, aos 6 minutos do primeiro tempo; André, aos 20 e aos 46 minutos do primeiro tempo

LIBERTAD: Martín Silva; Piris, Paulo Da Silva, Luis Cardozo e Espinoza; Mejía, Cáceres (Cristian Riveros) e Franco (Rodrigo Rivero); Barreiro, Martínez e Oscar Cardoso (Benítez)
Técnico: José Chamot

GRÊMIO: Paulo Victor; Leonardo, David Braz, Kannemann e Bruno Cortez; Maicon (Thaciano), Matheus Henrique, Alisson, Jean Pyerre e Everton (Diego Tardelli); André (Luan)
Técnico: Renato Gaúcho

Mais Futebol