PUBLICIDADE
Topo

Cortado de Camarões por risco de mal súbito, Joel não ficará no Cruzeiro

Joel tem contrato com o Cruzeiro até junho de 2020, mas não será aproveitado por Mano Menezes nesta temporada - Friedemann Vogel/Getty Images
Joel tem contrato com o Cruzeiro até junho de 2020, mas não será aproveitado por Mano Menezes nesta temporada Imagem: Friedemann Vogel/Getty Images

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

10/07/2019 12h40

O camaronês Joel terminou seu empréstimo com o Marítimo, de Portugal, mas não será reintegrado ao elenco do Cruzeiro. Vinculado ao clube mineiro até junho do ano que vem, o atacante será negociado com outra equipe, ainda a ser definida. Recentemente, Joel foi cortado da Copa Africana de Nações por causa de um risco de mal súbito.

Como o Marítimo optou em não exercer o direito de compra do jogador, Joel voltaria a defender o Cruzeiro. Contudo, a assessoria do clube já informou que o camaronês não será reincorporado ao elenco principal da Raposa, e a diretoria irá procurar um destino para o jogador.

Joel chegou ao Cruzeiro em 2015, mas nunca se firmou na equipe, entrando em campo apenas 24 vezes, marcando três gols. No ano seguinte, o atacante passou a ser emprestado para outras equipes como Santos, Botafogo, Avaí e, por último, o Marítimo. Em pouco mais de um ano no no velho continente, Joel marcou oito gols em 31 partidas disputadas, números insuficientes para convencer os portugueses de continuar com seu futebol.

Cruzeiro