PUBLICIDADE
Topo

Seleção Brasileira

Daniel Alves dedica vitória sobre a Argentina à comissão: "Apanham muito"

Do UOL, em São Paulo

02/07/2019 23h50

Daniel Alves dividiu com Gabriel Jesus o protagonismo na vitória do Brasil por 2 a 0 sobre a Argentina na noite de hoje, em Belo Horizonte. E após a classificação da seleção à final da Copa América, o capitão fez um desabafo em defesa da comissão técnica comandada por Tite.

"Não é fácil, não existe equipe fácil, não existe nada que você não tenha que trabalhar para conseguir. A nossa vitória é pro nosso estafe. Eles apanham muito e a gente dedica a eles. Eu acredito que muitas pessoas duvidam bastante da gente, só que a gente confia muito no estafe, confia muito na nossa proposta no nosso trabalho, dedicado e aplicado", afirmou à Rede Globo.

Diferentemente do que aconteceu contra adversários menos expressivos, o Brasil não encarou uma retranca no Mineirão. A posse de bola foi equilibrada, chegando a ficar empatada ao longo da partida, e a Argentina teve o triplo das finalizações brasileiras. Diante dessa dificuldade, Daniel chamou a responsabilidade. Foi com ele que começou a jogada do primeiro gol, marcado por Gabriel Jesus, com um chapéu em Marcos Acuña e passe para Roberto Firmino olhando para o outro lado.

"Isso é colher os frutos do que a gente planta todo dia, falta um passo a mais para nosso objetivo e tudo o que foi traçado desde o princípio. A gente quer é lutar até o fim e coroar o trabalho que vem sendo espetacular. Todo conjunto vem lutando muito, abdicando muito. Falta um passo, a gente tem que colocar os pés no chão e focar. O primeiro objetivo foi cumprido, agora falta o segundo", projetou.

O segundo e definitivo passo citado por Daniel Alves é a final da Copa América, marcada para as 17h de domingo, no Maracanã, no Rio de Janeiro. O adversário da seleção brasileira sai do confronto entre Chile e Peru, que acontece nesta quarta-feira, às 21h30, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre.

Seleção Brasileira