PUBLICIDADE
Topo

Seleção Brasileira

Conmebol multa CBF por gritos homofóbicos na Copa América

Jogo de abertura da Copa América no Morumbi foi alvo de observação da Conmebol - Lucas Lima/UOL
Jogo de abertura da Copa América no Morumbi foi alvo de observação da Conmebol Imagem: Lucas Lima/UOL

Do UOL, em São Paulo

27/06/2019 22h39

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) foi multada pela Conmebol graças a gritos homofóbicos desferidos pela torcida no Morumbi no jogo de abertura da Copa América, contra a Bolívia. Torcedores gritavam "bicha" nos tiros de meta cobrados pelo goleiro Carlos Lampe, o que fere o regulamento disciplinar da Conmebol.

A entidade sul-americana costumava ignorar casos do tipo até pouco tempo, mas agora já começa a seguir as orientações da Fifa no combate à homofobia. Nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022, por exemplo, os árbitros são instruídos a até paralisar um jogo caso os gritos preconceituosos estejam exagerados.

O caso registrado no jogo da seleção brasileira contra a Bolívia rendeu multa de 15 mil dólares para a CBF, ou R$ 57,5 mil na cotação atual.

Outra punição aplicada pela Conmebol foi para a Associação Uruguaia de Futebol, no valor de 10 mil dólares (R$ 38,3 mil, aproximadamente), por atraso da equipe para se apresentar no gramado para o segundo tempo do jogo contra o Japão, na segunda rodada da fase de grupos.

Seleção Brasileira