Topo

Copa do Mundo Feminina - 2019


Brasil volta a sofrer com Henry; veja semelhanças entre gols de 2006 e 2019

Gols de Thierry, em 2006, e Amandine Henry, em 2019  - AFP/AP
Gols de Thierry, em 2006, e Amandine Henry, em 2019 Imagem: AFP/AP

Do UOL, em São Paulo

24/06/2019 13h21

Se tem um nome atravessado na garganta da torcida brasileira, certamente é Henry. Ontem (23), a seleção feminina do Brasil foi eliminada da Copa do Mundo pela França com um gol de Amandine Henry. Em 2006, a seleção masculina caiu para os franceses após sofrer um gol de Thierry Henry.

Na web, muitos torcedores destacaram o fato de o Brasil voltar a ser eliminado de uma Copa do Mundo por alguém com o nome "Henry". Só que, além dos nomes, os gols franceses têm outras semelhanças.

Faltas parecidas

Tanto em 2006 quanto em 2019, as faltas que originaram os gols foram feitas em lugares parecidos. A diferença está apenas no lado do ataque francês.

Falta para a França em 2006  - Reprodução
Falta para a França em 2006
Imagem: Reprodução
Falta para a França em 2019 - Reprodução
Falta para a França em 2019
Imagem: Reprodução

Camisa 10 na bola

Outra semelhança é o número do uniforme de quem cobrou a falta. Em 2006, o camisa 10 Zinedine Zidane foi quem cruzou para Thierry marcar. Já em 2019, a camisa 10 Majri deu a assistência para Amandine definir.

Assim como Zidane, Majri é considerada a atleta mais habilidosa da equipe. A diferença é que ela atua pelo lado esquerdo, enquanto o ídolo francês era meia.

Zidane e Amel Majri  - AFP/Reuters
Zidane e Amel Majri
Imagem: AFP/Reuters

Bola cruza quase toda a área

Os gols também são semelhantes no tipo de cruzamento. Assim como em 2006, a bola viaja pela área até encontrar Henry. Outra semelhança é que os tentos foram anotados com os pés, quase no fim da trajetória da bola.

Henry marca para a França em 2006  - Reprodução
Henry marca para a França em 2006
Imagem: Reprodução
Henry marca para a França em 2019  - Reprodução
Henry marca para a França em 2019
Imagem: Reprodução

Segundo uniforme

Outra coincidência está na cor do uniforme da França. Em ambas as situações os franceses estavam com o segundo fardamento, na cor branca.

Copa do Mundo Feminina - 2019