PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

São Paulo estuda a contratação do lateral Adriano, ex-Barcelona

Adriano está no Besiktas, da Turquia, mas com contrato somente até o fim de junho deste ano - Maurizio Lagana/Getty Images
Adriano está no Besiktas, da Turquia, mas com contrato somente até o fim de junho deste ano Imagem: Maurizio Lagana/Getty Images

Bruno Grossi e Diego Salgado

Do UOL, em São Paulo

23/05/2019 13h46

O lateral pretendido por Cuca para reforçar o São Paulo é Adriano. O ex-jogador do Barcelona é visto como uma peça de peso para qualificar o elenco e que também se encaixa no desejo do técnico por atletas versáteis. Adriano está no Besiktas, da Turquia, mas tem contrato somente até o fim de junho deste ano. Seria preciso negociar apenas os salários do jogador de 34 anos.

A diretoria sabe que o investimento pode ser alto, principalmente porque outros clubes do Brasil estão de olho no lateral. Nesta mesma temporada, Grêmio, Santos e Flamengo chegaram a cogitar a contratação de Adriano. O Cruzeiro também esteve interessado. Além disso, pesa também o fato de ser um jogador do mercado europeu, o que naturalmente deixa os salários mais altos.

O ponto positivo é que Adriano já começa a pensar no retorno ao Brasil. Ele não joga no país desde 2005, quando deixou o Coritiba para defender o Sevilla, da Espanha. Depois, fez carreira vitoriosa no Barcelona e está no Besiktas há três anos.

Adriano é lateral-esquerdo de origem, mas durante toda a carreira foi usado também na direita. Essa é uma virtude que atrai Cuca, bem como a capacidade de jogar como meio-campista. Além de Adriano, o técnico também indicou o centroavante argentino Juan Dinenno, do Deportivo Cali. A diretoria já se mexe para tentar viabilizar a chegada do atacante.

São Paulo