PUBLICIDADE
Topo

Flamengo

Gabigol cai nas graças do Flamengo com gols e lado torcedor em campo

Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

15/03/2019 04h00

São pouco mais de 60 dias de Flamengo, mas Gabigol, um dos mais famosos entre os Meninos da Vila, vai se transformando em um legítimo Garoto do Ninho. O começo foi marcado por muita correria e luta, mas uma seca que durou cinco jogos. Dali em diante, o camisa 9 já marcou cinco vezes e vem construindo uma identificação rápida com a arquibancada.

Não são raras as declarações sobre o poder do torcedor rubro-negro, a alegria de atuar no Maracanã cheio, o que vai solidificando uma relação que parece ser de longa data, embora o namoro ainda seja recente.

"Só joguei em grandes clubes, mas o Flamengo é realmente diferente. Entrar em campo e ver a torcida no estádio é muito emocionante", disse ele, em entrevista ao ídolo Zico

Autor de um gol na vitória por 3 a 1 sobre a LDU, Gabigol comemorou como um torcedor de arquibancada. Literalmente. Ao se aproximar da torcida, cantou "Vamos, Flamengo" e regeu a galera. Dias antes, um vídeo com o jogador entoando uma outra famosa música rubro-negra circulou pelas redes. No meio de um show, ele subiu ao palco e, para surpresa dos presentes, puxou o coro com a canção que faz menção ao Mundial de 81.

"Prometi que ia fazer um gol contra a LDU, a comemoração foi muito boa com meus companheiros. Sempre sonhei em jogar em um estádio assim, espero sentir isso muitas vezes ainda", relatou o artilheiro, que é o goleador do time no Carioca e na Libertadores.

O jogador desembarcou na Gávea após uma arrastada negociação dos cariocas com a Internazionale de Milão, que aceitou liberá-lo desde que os rubro-negros arcassem com os salários integralmente. Em alta no clube, uma "vaquinha" virtual foi criada para um torcedor, que pede a sua contratação em definitivo. Em lua de mel com seu centroavante, o Flamengo sonha com um possível (mas difícil) relacionamento mais duradouro.

Após o triunfo, o time volta as suas atenções para o Campeonato Carioca. No sábado, a equipe recebe o Volta Redonda, 19h, no Maracanã.

Flamengo