PUBLICIDADE
Topo

Flamengo

Herói do Fla, Diego Alves diz que tentou desestabilizar cobrador da LDU

Diego Alves comemora após defender pênalti em Flamengo x LDU - Thiago Ribeiro/AGIF
Diego Alves comemora após defender pênalti em Flamengo x LDU Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF

Do UOL, no Rio de Janeiro

14/03/2019 17h35

Um dos heróis do Flamengo na vitória por 3 a 1 sobre a LDU, o goleiro Diego Alves elogiou o desempenho rubro-negro e falou do pênalti defendido. O camisa 1 do Fla evitou falar sobre a pressão feita sobre Intriago, mas disse que fez de tudo para desestabilizar o batedor equatoriano.

"Gosto de estar ali próximo, sentir o batedor. Este nervosismo para a gente que fica perto, a gente sente. É um jogo psicológico. Não posso falar o que disse, coisa de campo, mas sempre tem esta guerra psicológica. No momento que saiu o pênalti, falei algo no ouvido para começar essa guerra", disse ao Sportv.

O goleiro, que foi afastado por Dorival Jr. em 2018, deixou para trás as questões disciplinares e disse que vive um novo momento no clube. Ele falou da importância de Abel Braga e do vice de futebol Marcos Braz no processo.

"Sempre confiei no meu trabalho e no que sou como goleiro. Acredito muito que ficou no passado o que aconteceu ano passado. A resposta tem que ser dentro de campo como está sendo. Não tive problema com qualquer jogador do time, eles sempre estiveram do meu lado. Isso me fortaleceu, tive ligação do Abel, Marcos Braz foi bem responsável para que eu ficasse", relatou.

Após o triunfo, o Fla volta as suas atenções para o Campeonato Carioca. No sábado, a equipe recebe o Volta Redonda, 19h, no Maracanã.

Siga o UOL Esporte no

Flamengo