PUBLICIDADE
Topo

Palmeiras

Felipão lamenta erros de finalização e explica substituição de Zé Rafael

Siga o UOL Esporte no

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

09/03/2019 19h21

O técnico Luiz Felipe Scolari lamentou os erros de finalização do Palmeiras que fizeram com que a equipe não saísse do empate por 1 a 1 com o Mirassol, na tarde de hoje, pelo Campeonato Paulista.

O colombiano Borja teve grande chance no primeiro tempo, mas parou no goleiro Matheus, do Mirassol, enquanto Carlos Eduardo perdeu a chance da vitória ao chutar cruzado para fora o lançamento de Moisés já nos acréscimos. 

"Não teve ansiedade, teve erro. Quando fizemos passe certo, finalização foi errada. Infiltrações não foram corretas em alguns momentos. Com homem a mais, tínhamos que pressionar para lateral e cruzamentos não saíram nem o um contra um. Espero corrigir até terça porque a Libertadores é diferente", disse Felipão em entrevista coletiva após o jogo.

O único gol palmeirense na partida foi marcado por Gustavo Gómez cobrando pênalti. No entanto, poucos minutos depois o Mirassol empatou o jogo e se fechou no campo de defesa. Pressionando para conseguir a vitória, o treinador sacou Zé Rafael, um dos atletas mais pedidos pela torcida, para colocar Carlos Eduardo. Ele justificou a troca.

"Foi uma substituição que eu fiz na hora para ter dois pontas agressivos, não precisava de quem construísse, mas sim da finalização. Foi assim com o Carlos Eduardo, que teve a chance e não conseguiu fazer o gol", disse.

O Palmeiras agora vira a chave e se prepara para o duelo contra o Melgar (PER) pela Copa Libertadores da América. A partida está marcada para esta terça-feira, às 19h15, no Allianz Parque.

Mauro Beting: Palmeiras segue devendo desempenho

UOL Esporte

Palmeiras