Topo

Esporte


Real Madrid é eliminado pelo Ajax na Champions e dá adeus à temporada

Jogadores do Ajax comemoram gol contra o Real Madrid - REUTERS/Susana Vera
Jogadores do Ajax comemoram gol contra o Real Madrid Imagem: REUTERS/Susana Vera

Do UOL, em São Paulo

05/03/2019 18h53

A era do Real Madrid imbatível na Liga dos Campeões acabou. Atual tricampeão, o time espanhol levou 4 a 1 do Ajax em pleno Santiago Bernabéu e está eliminado nas oitavas de final da Champions. Os merengues venceram a ida por 2 a 1, na Holanda, mas acabaram goleados dentro de casa. Ziyech, David Neres, Tadic e Schone marcaram para os visitantes, enquanto Asensio fez o de honra. Vinicius Júnior foi a baixa dos espanhóis e saiu chorando após se machucar no primeiro tempo.

Para piorar, a derrota também significou o virtual fim da temporada para o Real. A Liga dos Campeões era a última chance para a equipe ser campeã em 2018-19. O time comandado por Santiago Solari foi eliminado pelo Barcelona na Copa do Rei e é apenas o terceiro colocado no Campeonato Espanhol, 12 pontos atrás do rival Barça.

Já o classificado Ajax agora aguarda o sorteio para descobrir seu adversário nas quartas de final da Champions. Os duelos de ida acontecem nos dias 9 e 10 de abril.

Quem foi bem: Tadic

REUTERS/Susana Vera
Imagem: REUTERS/Susana Vera

Atuação impecável do camisa 10 do Ajax. Tadic foi o grande destaque da partida. Ele deu assistências para os dois primeiros gols do jogo e marcou o terceiro dos holandeses, um golaço no ângulo, para calar o Santiago Bernabéu.

Quem foi mal: Kroos

O jogo já começou ruim para o volante alemão. Kroos falhou logo no começo da partida na jogada do primeiro gol do Ajax e depois não se encontrou mais em campo. Erros de passe também não faltaram para o camisa 8 do Real.

Vinicius Júnior se machuca e sai aos prantos

Gabriel Bouys/AFP
Imagem: Gabriel Bouys/AFP

O drama de Vinicius Júnior começou aos 25 minutos do primeiro tempo, depois que Mazraoui fez falta no brasileiro e caiu em cima da perna direita do atacante. Cerca de cinco minutos depois, o ex-jogador do Flamengo recebeu em velocidade no meio-campo, arrancou e bateu de esquerda para fora. Ele caiu no lado de fora do gramado e começou a chorar.

Vinicius foi atendido pelos médicos do Real, fez testes fora de campo, mas acabou substituído aos prantos por Asensio, aos 34 minutos. O atacante reapareceu no banco de reservas na reta final do primeiro tempo. Ele voltou dos vestiários com gelo na perna direita e acompanhou os minutos finais da etapa inicial ao lado dos companheiros.

David Neres dá trabalho para zaga do Real

GABRIEL BOUYS / AFP
Imagem: GABRIEL BOUYS / AFP

David Neres marcou um gol, criou chances e deu um drible espetacular em Carvajal. Ainda nos primeiros minutos de jogo, o atacante roubou a bola de Carvajal e, de costas, deu uma espécie de elástico com meia-lua no lateral do Real, mas caiu na área, e o árbitro só deu tiro de meta. Foi dele, também, o segundo gol do Ajax, uma cavadinha que encobriu Courtois. O destaque da jogar, porém, foi o passe de Tadic, magistral.

Ajax massacra no 1º tempo

O jogo mal tinha começado, e o Ajax logo abriu o placar. Aos seis minutos, Toni Kroos vacilou e perdeu a bola. Tadic levou até a entrada da área e rolou para Ziyech, que bateu de primeira no canto para abrir o placar para os holandeses.

Com 18 minutos de jogo, David Neres apareceu para fazer um golaço. A jogada começou com belo drible de Tadic em cima de Casemiro. O camisa 10 tocou para o brasileiro, que, dentro da área, tirou de Courtois e deu um toque leve de cobertura para fazer o segundo. David Neres quase fez o terceiro na sequência. Ele recebeu em profundidade e tentou encobrir Courtois, mas mandou para fora.

Real acorda e responde 

O Real ainda tentou descontar na primeira etapa, mas foi para o intervalo sem gols. Aos 22, antes de se machucar, Vinicius Júnior fez boa jogada e rolou para Lucas Vázquez. Ele bateu forte e viu Onana fazer boa defesa. A melhor chance dos merengues veio aos 41 minutos, quando Bale bateu cruzado e acertou a trave.

Terceiro do Ajax veio após "VAR polêmico"

No segundo tempo, o Real chegava ao ataque para tentar marcar ao menos um gol e se manter vivo no jogo, mas foi o Ajax quem voltou a balançar as redes. Aos 16 minutos, os holandeses chegaram no contra-ataque, Van de Beek rolou para Tadic, que mandou uma bomba de esquerda no ângulo de Courtois.

O árbitro de vídeo (VAR) entrou em ação para analisar se a bola havia saído no início da jogada, depois que Mazraoui tirou a bola de Reguilón na lateral do campo. A comunicação com o juiz Felix Brych durou quase cinco minutos, e o gol foi confirmado. O lance foi polêmico: a TV mostrou o lance em duas câmeras e cada uma dava impressão de um resultado. Na câmera do alto, a bola parecia ter saído. Na câmera da lateral, no nível do campo, a impressão era que ela ainda estava em campo quando Mazraoi faz o toque.

Real desconta, mas Ajax fecha a conta

Com 3 a 0 contra, o Real precisava fazer três gols para se classificar e chegou a descontar com Asensio aos 24 minutos, mas o Ajax tratou de marcar o quarto e acabar com qualquer reação. Schone cobrou falta pela lateral e encobriu Courtois. Fim de papo no Bernabéu.

FICHA TÉCNICA
REAL MADRID 1 X 4 AJAX

Data e hora: 5 de março de 2019, às 17h (de Brasília)
Local: Estádio Santiago Bernabéu, em Madri (Espanha)
Árbitro: Felix Brych (Alemanha)
Auxiliares: Mark Borsch e Stefan Lupp, ambos da Alemanha
Gols: Ziyech, aos 6 do 1º tempo; David Neres, aos 18 do 1º tempo; Tadic, aos 16 do 2º tempo; Asensio, aos 24 do 2º tempo; Schone, aos 26 do 2º tempo

REAL MADRID: Courtois; Carvajal, Nacho, Varane e Reguilón; Kroos, Casemiro (Valverde) e Modric; Lucas Vázquez (Bale), Benzema e Vinicius Júnior (Asensio).
Técnico: Santiago Solari

AJAX: Onana; Mazraoui (Veltman), De Ligt, Blind e Tagliafico; De Jong, Schone (De Wit) e Van de Beek; Ziyech, Tadic e David Neres (Dolberg).
Técnico: Erik ten Hag
 

Mais Esporte