PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Médico compara lesão assustadora de jogador com nocaute, mas nega risco

Jogador Humberto leva pancada no olho no Campeonato Piauiense - Reprodução
Jogador Humberto leva pancada no olho no Campeonato Piauiense Imagem: Reprodução

Gustavo Setti

Do UOL, em São Paulo

25/02/2019 19h58

Humberto, jogador do Altos-PI, foi destaque no fim de semana de futebol por um lance assustador no Campeonato Piauiense. O volante levou um chute no olho após dividida com Biro Biro, do River-PI, caiu desacordado e ficou com o olho direito bastante inchado. Porém, ele não corre risco e está em recuperação.

De acordo com o médico Ítalo Plácido, que cuidou do atleta, Humberto não sofreu lesão grave. "Foi um trauma, teve a concussão, e ele ficou desacordado, mas a tomografia não mostrou lesão. É igual ser nocauteado. Fica apagado, tem concussão, tem risco de ter dano, mas a tomografia não deu nada. Também teve um trauma no olho direito, e ele foi avaliado pelo oftalmologista, mas não teve lesão interna no olho, e sim o edema por fora", explicou ao UOL Esporte.

Humberto realizou uma tomografia e também uma ressonância magnética, que não mostraram nenhuma lesão. O volante foi liberado após o resultado dos exames e não precisou ficar internado em observação.

"Ele está fora de risco, mas está aguardando evolução do quadro. O tratamento, além do repouso, é mais por conta do edema do olho. Está tomando anti-inflamatório e medicamento para dor", disse Plácido.

Apesar de ter ficado com o olho inchado, Humberto não deve demorar a voltar aos gramados. O Altos enfrenta o Piauí, pelo Piauiense, na quarta-feira (27), e depois encara o Bahia no sábado (2), pela Copa do Nordeste. 

"Vai depender muito da evolução dele. Talvez não esteja preparado para quarta, mas acredito que no sábado não vai ter problema", afirmou o médico.

Futebol