PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Militão é flagrado em balada na madrugada e acaba afastado pelo Porto

Eder Militão Roma Porto Liga dos Campeões - Andreas Solaro/AFP
Eder Militão Roma Porto Liga dos Campeões Imagem: Andreas Solaro/AFP

Marcus Alves

Colaboração para o UOL, de Lisboa (POR)

22/02/2019 09h26

Em alta no Porto, Éder Militão cometeu o seu primeiro deslize até aqui em sua passagem de sucesso pelo futebol português. O defensor de 21 anos foi flagrado até altas horas da madrugada em uma casa noturna para comemorar o aniversário do companheiro Luizão, com quem também atuou nas categorias de base do São Paulo, e acabou sendo afastado por um jogo pelo treinador Sérgio Conceição. A informação foi dada pelo jornal "O Jogo" e confirmada pelo UOL Esporte.

A princípio, a medida disciplinar tomada pelo Porto não deverá ir além de sua ausência na partida contra o Tondela, logo mais, às 18h15 (horário de Brasília), pelo Campeonato Português.

Nos bastidores, o Porto é conhecido por possuir uma rede de informantes espalhados ao redor da cidade, que repassam ao clube eventuais escapadas de seus jogadores. Diversos outros nomes enfrentaram situações semelhantes à de Militão no passado ao serem identificados na noite.

Conforme apurado pela reportagem, embora não tenha exagerado na curtição, Militão confirmou em contato com a diretoria da equipe a sua presença em discoteca e aceitou a punição conforme o regulamento disciplinar interno.

É o segundo brasileiro que vira motivo de controvérsia nos atuais campeões portugueses nesta semana. A caminho de empréstimo para o Santos, o lateral-esquerdo Jorge também esteve no centro de discussão interna em virtude de seu comportamento.

"Não compreendo porque (vocês) estão insistindo acerca de um jogador que pouco jogou. Não fui eu que afastei o Jorge, foi ele que se afastou. Vocês sabem que destaco as questões técnicas, táticas e o estado emocional, mas quando o jogador não está motivado para jogar e pede para sair e não quer estar com o grupo? Não está comprometido? Fabiano (goleiro) jogou na equipe B, tal como Diogo Leite (zagueiro), pelo que perguntem a Rui Barros (técnico) a razão dele não jogar lá. Às vezes, é o jogador que se afasta", afirmou Conceição, em sua última entrevista coletiva.

Desde que desembarcou vindo do São Paulo, Militão foi eleito o melhor defensor do campeonato local em todos os meses até o momento. O seu desempenho acabou atraindo o interesse, entre outros, do Real Madrid, que tem acordo apalavrado para a sua contratação a partir de junho.

Parte de seu estafe esteve no Porto nos últimos dias e viajou na sequência a Madri para cuidar do desdobramento do negócio.

Afastado contra o Tondela, o polivalente atleta deve voltar a ficar à disposição para a sequência complicada que a equipe tem pela frente em seu calendário, com Braga, Benfica e Roma em seu horizonte.

Vini Jr ganha carro de luxo do Real; Marcelo escolhe modelo de R$ 437 mil

UOL Esporte

Esporte