PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Com grana curta, Corinthians busca reforços modestos e com estilo do time

De volta ao Corinthians, Carille disse que é realista em situação financeira do clube - Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians
De volta ao Corinthians, Carille disse que é realista em situação financeira do clube Imagem: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Diego Salgado

Do UOL, em São Paulo

17/12/2018 04h00

O técnico Fábio Carille chegou ao Brasil no último sábado para assumir o comando do Corinthians e colocou em prática um discurso ponderado em relação aos reforços para o time. De volta ao clube depois de sete meses no Al-Wehda, o treinador admitiu que a diretoria busca contratações modestas diante de uma situação financeira desfavorável.

Carille, que fez pedidos à diretoria de futebol e também deu aval para alguns nomes propostos pelo clube, disse que o Corinthians está atrás de atletas versáteis no mercado da bola para a próxima temporada.

"A gente tem de ser bastante realista com a situação do clube, de não buscar estrelas e grandes jogadores. Mas, sim, jogadores que têm perfil de Corinthians", disse o treinador durante desembarque ocorrido no aeroporto de Cumbica, em Guarulhos.

Carille chegou a usar o volante Ramiro como um exemplo. O ex-jogador do Grêmio pode ser escalado em até três posições distintas. Ele atuou como meia aberto à direita nas últimas temporadas, mas despontou como volante no Juventude - e também pode atuar na lateral direita.

"Ramiro é um desses que faz várias funções, que tem transição defensiva e ofensiva muito boa, 250 jogos com a camisa do Grêmio. Esse perfil de jogador que estamos buscando para fazer um Corinthians forte", afirmou Carille.

Ramiro, assim como Luan, foi um pedido direto do novo comandante corintiano, que viu com bons olhos as outras investidas da diretoria: Sornoza e Leandro Castán - o meio-campista equatoriano está perto de ser anunciado pelo clube.

O jogador que se destacou no Fluminense nos últimos meses, inclusive, deve ser o maior investimento da diretoria corintiana para a equipe de 2019. O Corinthians irá desembolsar 2,5 milhões de euros (R$ 11,1 milhões) por 60% dos direitos econômicos do atleta de 24 anos.

Nos outros casos, o Corinthians procura envolver jogadores na negociação. Na busca por Luan, por exemplo, o atacante Clayson pode ser envolvido como moeda de troca. Já para alcançar a contratação de Castán, o clube tenta uma liberação sem um custo alto, que se tornou bastante improvável nos últimos dias.

O Corinthians ainda busca a contratação de um lateral esquerdo e um centroavante. No primeiro caso, Uendel, que atuou pelo time alvinegro entre 2014 e 2016, é um dos alvos da diretoria, mas a negociação com o Inter terá início somente em janeiro. 

Além de Ramiro, o clube paulista já anunciou quatro reforços para 2019: o lateral direito Michel Macedo, o volante Richard e os atacantes André Luis e Gustavo Mosquito. 

Futebol