PUBLICIDADE
Topo

Futebol

CR7 diz que gostaria de ver Messi na Itália e abre as portas para Marcelo

AFP PHOTO / FABRICE COFFRINI
Imagem: AFP PHOTO / FABRICE COFFRINI

Do UOL, em São Paulo

10/12/2018 09h02

Cristiano Ronaldo não sente a falta de Lionel Messi, mas gostaria que o argentino cogitasse uma mudança para a Itália no futuro. Em entrevista ao jornal "Gazzetta dello Sport", o português da Juventus disse que a vida para ele é um "desafio" e afirmou que talvez o argentino precise mais da rivalidade com ele do que o contrário.

"Não sinto a falta de Messi. Joguei na Inglaterra, Espanha, Itália, Portugal e na seleção, enquanto ele continua na Espanha. Talvez ele precise mais de mim. Para mim, a vida é um desafio, eu gosto e gosto de fazer as pessoas felizes", afirmou Cristiano Ronaldo.

Leia também:

"Gostaria que ele viesse para a Itália algum dia, que aceitasse o desafio assim como eu. Mas se ele está feliz lá (na Espanha), eu respeito. É um jogador fantástico e uma boa pessoa, mas não perdi nada estando aqui. Essa é minha nova vida e estou feliz", prosseguiu.

Durante a entrevista, Cristiano Ronaldo falou também sobre Marcelo, ex-companheiro de Real Madrid e amigo do português. Questionado sobre o brasileiro e sobre Isco, ambos especulados na Juventus, o atacante abriu as portas da Juventus para o lateral.

"Vejo que escrevem sobre James (Rodriguez), Bale, Asensio, mas sendo sincero, a Juventus não precisa de outros jogadores. Tem que falar com o presidente, não sei do futuro. Marcelo é muito bom. A gente abre as portas para bons jogadores e o Marcelo é um deles", completou o português.

Cristiano Ronaldo deixou o Real Madrid rumo à Juventus em julho deste ano. O clube italiano desembolsou mais de 100 milhões de euros para contratar o português.

Futebol