PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Tite mostra nova base para a seleção e quinteto garantido entre titulares

Marquinhos (e) é um dos símbolos da nova base da seleção brasileira de Tite (d) - Lucas Figueiredo/CBF
Marquinhos (e) é um dos símbolos da nova base da seleção brasileira de Tite (d) Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

Pedro Ivo Almeida

Do UOL, em São Paulo

21/09/2018 14h23

Em apenas duas convocações após a Copa do Mundo, Tite já chamou 35 jogadores para os amistosos da seleção brasileira, evidenciando o período de testes no início do novo ciclo à frente da equipe. Ao mesmo tempo, o treinador deixa claro já ter uma base para os próximos anos do trabalho.

Se por um lado Tite reforça que algumas vagas estão abertas, por outro mostra que alguns nomes têm vaga cativa nas convocações.

Alisson, Ederson, Marquinhos, Fabinho, Alex Sandro, Arthur, Casemiro, Fred, Philippe Coutinho, Neymar, Roberto Firmino e Richarlison dificilmente não estarão nas próximas listas.

“A idade privilegia. Não adianta pensar agora. Preciso ver o médio e o longo prazo”, explicou Tite, mostrando que até mesmo o lateral Marcelo pode perder sua antiga vaga na esquerda.

“A idade do Alex [Sandro] o premia com uma longevidade maior na seleção nesse momento. Marcelo e Filipe [Luis] vão concorrer ali”, disse o técnico.

Na convocação desta sexta-feira (21) para os amistosos de outubro, contra Arábia Saudita e Argentina, nomes até então absolutos perderam o lugar na lista. Especialmente os veteranos, que não devem ser prioridade nos próximos anos.

Tite promove volta de Jesus e convoca Pablo e Walace para amistosos

UOL Esporte

“Você tem que abrir mão de algumas coisas. Se eu trouxer toda a base da seleção que foi à Copa, não vai ter oportunidades. Essa é a chance de ver as oportunidades para lá na frente ver todos estarem concorrendo de forma leal”, disse explicando as ausências de Thiago Silva, Filipe Luis e Willian.

Com idade avançada, os três deixaram o grupo dos “garantidos” e terão que disputar uma vaga para os próximos compromissos oficiais, com a Copa América de 2019. Assim também será com Miranda, deixado fora na primeira lista e lembrado nesta sexta.

Com sua nova base, Tite revela também que cinco jogadores dificilmente perderão o posto entre os titulares. Em alta antes da Copa e com idade classificada boa para o próximo Mundial, Alisson, Marquinhos, Casemiro, Philippe Coutinho e Neymar só devem desfalcar a seleção em último caso.

E Marquinhos surge como o principal representante da nova fase. Reserva na Copa, o zagueiro do Paris Saint-Germain (França) voltou ao time titular e dificilmente sairá. A dupla da Rússia, Thiago Silva e Miranda, disputará um lugar ao lado do jovem para a Copa América.

É praticamente certo que o quinteto considerado titular estará em campo contra a Argentina, no segundo dos amistosos da data Fifa de outubro. Tite já afirmou que irá com força máxima para o clássico sul-americano. No primeiro duelo, contra a Arábia Saudita, a ideia é que o treinador mescle o time com algumas das oito novidades que não estavam na convocação para os jogos com Estados Unidos e El Salvador.

Futebol