PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Willian torce por volta de Felipe Melo: "grupo gostaria e vai somar muito"

Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação
Imagem: Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação

Do UOL, em São Paulo

28/08/2017 13h43

Autor de dois gols do Palmeiras na vitória por 4 a 2 no clássico contra o São Paulo, o atacante Willian acredita que a volta de Felipe Melo ajudaria o time a ficar mais forte. Em entrevista ao "SporTV", ele se colocou favorável à reintegração do volante, disse que o grupo também aprova uma nova chance e fez elogios à postura do companheiro dentro e fora de campo.

“Não tenha dúvida. Tenho certeza que ele não vai sair não”, disse Willian, que depois explicou que a certeza sobre a volta de Felipe Melo é mais um sentimento do que uma informação privilegiada sobre a situação.

“Claro que é um caso da diretoria e do Cuca. Tenho respeito e carinho pelo Felipe e não adianta entrar em detalhes. Mas falando da parte profissional, da importância como jogador e no grupo, ele vai nos ajudar muito se for reintegrado. Vai somar muito, é um jogador de qualidade, de potencial e entrega muito grande. Tenho certeza que vão decidir com calma. Com certeza é um jogador que todo grupo gostaria de ter pela sua importância, se ele voltar com certeza vai ser bem-vindo”, explicou.

Felipe Melo está afastado desde a eliminação do Palmeiras para o Cruzeiro na Copa do Brasil, quando discutiu com o técnico Cuca. O UOL Esporte apurou que um pedido de desculpas do jogador e a falta de opções de mercado abriram caminho para uma reintegração, que deve ser decidida nesta semana.

Confiança em Borja

Na mesma entrevista ao "SporTV", Willian defendeu publicamente outro companheiro de clube, o atacante Borja. Para ele, o momento ruim do colombiano pode ser passageiro e é preciso acreditar em uma recuperação.

"Ele tem um potencial enorme, fez um grande trabalho no Atlético Nacional, chegou com peso pelo que fez. Era cobiçado por diversos clubes, fez a melhor opção de vir para cá, sentimos que ele fica triste por não estar fazendo gols, esta está indo para a seleção e não é à toa. Acredito que ele vai ter o momento dele, vai poder se destacar, jogar o futebol que sabe. Vem trabalhando forte e tenho certeza que ele vai dar alegrias ao torcedor palmeirense", disse.

Veja outras declarações de Willian

Luta pelo título
“O campeonato está vivo e temos que fazer nossa parte. Tem que encarar os jogos como finais. Acredito que tem coisas boas sabendo a dificuldade que terá, mas acreditando em nosso grupo e força”.

Bom momento
“Eu fui contratado pelo bom trabalho nas equipes que passei e cheguei com expectativa grande e honrado de estar no Palmeiras, sabendo da concorrência e dificuldade. Não caí aqui de paraquedas e acredito no trabalho. As coisas têm acontecido da melhor forma possível. No coletivo queríamos estar melhor, com títulos, mas estamos fazendo bons trabalhos e individualmente estou vivendo o melhor momento da carreira. Sabemos que precisa de gols porque a cobrança é grande. Estou muito feliz”.

Posicionamento no Palmeiras
“A gente fica feliz e sempre brinco: ‘onde quiserem me colocar, vou tentar fazer meu melhor’. Eu sempre joguei aberto, mas hoje em dia tem o falso nove como o Gabriel Jesus fazia, tendo movimentação e puxando o zagueiro e fazendo as pontas pelas diagonais. Tenho me sentido bem por dentro e pelas beiradas. Sou mais um atacante. Antes corria como louco, hoje consigo me posicionar melhor. Estou me sentindo bem, quando tem referência é bom também porque eu gosto de fazer um dois. Estou muito feliz. Se quiserem em colocar eu vou me doar o máximo”.

Mais Inteligência em campo
“Nem tanto no Palmeiras. Eu falo nesses anos que eu venho atuando. A gente se desgastava e era um momento desnecessário, de correr. Um pouco mais inteligência, vendo o posicionamento, vendo o lateral que está jogando. Isso que eu quis dizer. A entrega e a luta segue sendo a mesma”

Futebol