PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Jorginho despista outra vez sobre Cruzeiro e Eurico fala em falta de ética

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

29/04/2016 18h35

A expectativa era a de que Jorginho se posicionasse sobre o interesse do Cruzeiro, porém, nesta sexta-feira, o treinador novamente despistou se negocia ou não uma transferência para o clube mineiro. Já o presidente Eurico Miranda foi mais contundente e falou em “falta de ética” por parte da equipe celeste.

Diante de uma presença maciça e fora comum dos jornalistas,o treinador voltou a afirmar que está focado exclusivamente na decisão do Campeonato Carioca contra o Botafogo neste domingo e no próximo.

"Peço mais uma vez a compreensão de vocês (imprensa). Meu presidente deu uma entrevista agora a pouco falando sobre isso. Não foi procurado por ninguém e isso é verdade. Qualquer coisa que eu tenha para falar, eu falarei para o meu presidente. Se eu falar algo, estarei tirando o foco. O que eu quero é que meus jogadores se concentrem só nisso e eu também. Estamos disputando um bicampeonato,não vou deixar que desvirtuem disso. Torcedor do Vasco, estamos ligados no compromisso dos dois domingos. Estou respirando isso. Nada mais. Tudo o que estão falando são suposições", disse.

Em entrevista à Rádio Globo, Eurico Miranda demonstrou insatisfação em relação a postura do Cruzeiro e manifestou o desejo pela permanência de Jorginho:

"Eu não tenho nada para resolver. Se o Jorginho vier a sair, o que eu vou fazer? Paciência. Todo mundo fala negócio de ética, ética para cá, ética para lá. Não tem problema fazer proposta. Mas é uma coisa de presidente para presidente. Se o presidente me liga e fala: 'eu queria fazer uma proposta pelo Jorginho'. É o mínimo que tem que ser feito. Falar com quem está no comando. Isso acaba criando uma espécie de confusão. Mas não há confusão. O Jorginho está tranquilo e focado na decisão ".

Abordado novamente sobre Cruzeiro, Jorginho demonstrou certo incômodo e frisou não querer falar sobre o assunto.

"Com todo o respeito, não quero falar sobre isso. Não quero mudar o foco. Preciso me concentrar. Qualquer coisa que eu falar sobre isso, vai me prejudicar", avaliou.

Futebol