Topo

Futebol


Reunião define forma de pagamento e eleva valor de venda de Éverton Ribeiro

Éverton Ribeiro está próximo de mudança para o Oriente Médio. Ida do jogador deve ser sacramentada nesta segunda - Washington Alves/Light Press/Divulgação
Éverton Ribeiro está próximo de mudança para o Oriente Médio. Ida do jogador deve ser sacramentada nesta segunda Imagem: Washington Alves/Light Press/Divulgação

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

28/01/2015 06h00

A venda de Éverton Ribeiro para o Al-Ahli, dos Emirados Árabes Unidos, está praticamente selada pelo Cruzeiro. Nesta segunda-feira, o empresário Robson Ferreira, responsável por conduzir a negociação, foi a Belo Horizonte para se reunir com o presidente Gilvan de Pinho Tavares e acertar os detalhes burocráticos da transação. Entre eles, a forma de pagamento.

Diferente do divulgado anteriormente, o valor chega a 17 milhões de euros (R$ 49,3 milhões). O bicampeão brasileiro terá direito a 10,2 milhões de euros (R$ 29,6 milhões). Cerca de 11,7% do montante destinado ao clube será utilizado para quitar uma antiga dívida referente à transação do jogador. Portanto, a agremiação terá acesso à quantia de 9 milhões de euros (R$ 26,1 milhões).

O restante da grana envolvida na venda do melhor jogador do Brasil há duas temporadas será repassado a investidores, já que o Cruzeiro adquiriu 60% dos direitos econômicos do atleta junto ao Coritiba, em janeiro de 2013. Na ocasião, os mineiros desembolsaram R$ 4 milhões por sua fatia do meia-atacante.

Conduzida de forma amigável por Robson Ferreira, a negociação do craque deve ser ratificada de forma oficial na noite desta quarta-feira. A diretoria aguarda a resolução de detalhes burocráticos para confirmar a transação em definitivo.

Embora ainda não esteja oficializado o acordo, o craque sequer participou do amistoso internacional diante do Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, neste domingo, no estádio Mané Garrincha, em Brasília. A partida que terminou empatada por 1 a 1 contou com a presença de Marquinhos na vaga do apoiador.

“Eu não vou nem jogar hoje. A gente conversou e ficou decidido que não vou para a partida”, disse o atleta, que chegou a viajar para a capital federal, mas não foi acionado pelo técnico Marcelo Oliveira.

No futebol árabe, Éverton Ribeiro receberá vencimentos de R$ 1,14 milhão e assinará um vínculo de quatro temporadas. A ida para o clube de Dubai representa a ‘independência financeira’ do apoiador que acumula convocações para a seleção brasileira desde a chegada de Dunga.

Nesta quarta-feira, o craque realiza exames médicos em Londres acompanhado de Robson Ferreira, seu empresário, para assinar com o Al-Ahli. O resultado das avaliações será conhecido no período da noite. Posteriormente, ele retorna ao Brasil para assinar a rescisão e seguir para os Emirados Árabes Unidos.

O UOL Esporte tentou contato com o representante do jogador, mas não obteve êxito. O empresário não atendeu às ligações da reportagem até o término desta apuração.

Mais Futebol