PUBLICIDADE
Topo

Notícias em primeira mão dos bastidores do futebol, informações exclusivas sobre o seu time, novidades do mercado da bola e o melhor do jornalismo esportivo em um só lugar

Perto do Palmeiras, Puma trata camisas apertadas demais como "lenda urbana"

Camisas da Puma, como a da seleção italiana, costumam ter modelagem mais justa; marca diz que versão para torcida tem tamanho convencional - AFP PHOTO / Vincenzo PINTO
Camisas da Puma, como a da seleção italiana, costumam ter modelagem mais justa; marca diz que versão para torcida tem tamanho convencional
Imagem: AFP PHOTO / Vincenzo PINTO
Exclusivo para assinantes UOL

Do UOL, em São Paulo

22/02/2018 04h00

O cada vez mais iminente acordo entre Puma e Palmeiras faz o estilo de camisas da empresa alemã virar uma discussão entre torcedores. Nas redes sociais, diversos palmeirenses estão preocupados pelo fato de os uniformes feitos pela provável nova parceira serem sempre colados ao corpo.

Representantes da empresa no Brasil notaram a preocupação e trataram de afirmar que o assunto é uma "lenda urbana". A Puma diz que os uniformes colados são feitos para atletas e vendidos em pequena escala nas lojas normais. A maior parte da oferta aos torcedores, explicam eles, é feita em tamanhos convencionais e sem um tecido que grude no corpo. O braço brasileiro da companhia alemã, aliás, usou até o seu Twitter para "acalmar" os mais aflitos. (Por Danilo Lavieri)

Corinthians usa dinheiro de Malcom para dívida

O Corinthians usará parte do dinheiro que ainda tem a receber do Bordeaux (FRA), pela venda de Malcom, para pagar uma dívida de R$ 2,4 milhões com o Sociedade Esportiva Vitória, clube ligado ao empresário Fernando Garcia.

O Alvinegro fez um acordo para pagar a dívida e repassará cerca de R$ 560 mil a receber dos franceses diretamente ao Vitória. O restante da dívida será pago com repasse da venda de outra promessa, Matheus Pereira, para o Empoli (ITA). (Por Diego Salgado e Pedro Lopes)

Corinthians: Ligação da Espanha balançou Ralf

Treinador de Ralf durante a passagem pelo Beijing Guoan-CHN, o espanhol José Manuel González López abordou o volante em janeiro para que assinasse com seu atual clube, o Málaga. A proposta por um vínculo curto, de apenas seis meses, acabou por deixar o brasileiro em dúvida sobre a transferência para a Espanha. No encerramento da janela das principais ligas europeias, no fim de janeiro, Ralf estreitou contatos com Fábio Carille e, graças ao aval do presidente Andrés Sanchez, fechou por dois anos para jogar de novo no Corinthians. Além do Málaga, o volante chegou a abrir conversas rápidas com Grêmio, Atlético-MG e Cruzeiro, mas o negócio se desenhou favorável para que retornasse ao Parque São Jorge. (Por Dassler Marques)

Fla-Flu: Jogadores voltarão de Cuiabá no mesmo voo

Rivais em campo, Flamengo e Fluminense têm um encontro marcado dentro do avião. A dificuldade para conseguir voos para Cuiabá, local do Fla-Flu deste sábado, fez com que os clubes convencessem os organizadores do clássico da necessidade de um voo fretado. Com o sinal verde da empresa que "comprou" o evento, as duas delegações dividirão o avião na ida e na volta, fato inédito mesmo após uma série de confrontos terem sido agendados para fora do Rio nos últimos anos. Pesou também o argumento de que o Fla tem um compromisso contra o River Plate, quarta-feira, pela Libertadores. Com o calendário apertado, o Rubro-negro queria retornar ao Rio logo após a partida para retomar o quanto antes sua preparação de olho nos argentinos. (Por Leo Burlá)

Agente de Fred vai à Europa para comprar clube português

Francis Melo, representante de Fred e Rafael Moura, está em Portugal para negociar a aquisição de um clube. Os alvos do agente não são revelados, mas ele está em terras lusitanas desde o Carnaval. A ideia é adquirir uma equipe para que possa colocar alguns de seus jogadores em atividade no local. A intenção do empresário é ficar no país até 11 de março e voltar ao Brasil com a situação definida. Há times das duas primeiras divisões em foco. Em seu país natal, Francis já comandou o Anapólis, de Goiás, e o Tupi, de Juiz de Fora. Esta seria a sua primeira aventura fora do futebol nacional. (Por Thiago Fernandes)

SP planeja reformar vestiários do Morumbi e do CT em 2018

A diretoria do São Paulo já tem em andamento projetos de reforma para os vestiários do Morumbi e do CT da Barra Funda. A ideia é tirá-los do papel ainda neste ano, atendendo a uma demanda antiga do departamento de futebol. A estrutura do CT é a mais defasada e deve ter prioridade nas obras, que já poderiam ter começado no último ano. O Tricolor, no entanto, preferiu esperar a renovação da concessão do terreno doado pela prefeitura de São Paulo. Pelo contrato anterior, o clube precisaria deixar o local em 2022, mas conseguiu estender o vínculo até 2042 e com possibilidade de acrescentar mais 20 anos de concessão. (Por Bruno Grossi)