PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Prova de química fez promessa do United evitar festa após decidir clássico

Do UOL, em São Paulo

29/02/2016 13h20

Imagine que você tem 18 anos, joga no Manchester United, faz sua estreia no Campeonato Inglês em um clássico contra o Arsenal e decide a vitória com dois gols e uma assistência. Motivo para comemoração à noite, certo? Não para Marcus Rashford, que evitou sair para festejar porque precisou estudar para uma prova na manhã seguinte.

Perguntado sobre como ia celebrar a grande atuação, o jovem atacante respondeu após o jogo: "Não vou comemorar hoje. Tenho uma prova de química amanhã".

Rashford fez uma inesperada estreia como profissional na última quinta-feira, quando o titular Martial se lesionou no aquecimento para a partida contra o Midtjylland, da Dinamarca, pela Liga Europa. O garoto marcou dois gols na vitória por 5 a 1. No fim de semana, contra o Arsenal, mais dois gols no triunfo por 3 a 2, e uma assistência para o gol de Herrera.

Com problemas de lesão no ataque - além de Martial, Rooney também está machucado -, Rashford deve continuar como titular do United. O próximo jogo é na quarta-feira, contra o Watford.

Esporte