PUBLICIDADE
Topo

Esporte

No embalo de Maxi López, Vasco recebe Bahia em jogo-chave contra degola

Maxi balançou as redes ou deu assistências em 100% dos gols marcados pelo Vasco desde que estreou - Thiago Ribeiro/AGIF
Maxi balançou as redes ou deu assistências em 100% dos gols marcados pelo Vasco desde que estreou Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF

Do UOL, no Rio de Janeiro

24/09/2018 04h00

Em situação delicada no Campeonato Brasileiro, o Vasco recebe o Bahia nesta segunda-feira, às 20h (horário de Brasília). O jogo em São Januário é daqueles fundamentais para o time se manter na elite do futebol brasileiro em 2019. Isso porque o adversário é um dos concorrentes direto da luta contra a degola.

E o Vasco já sabe o que fazer para superar o Bahia e respirar mais aliviado na competição. Maxi López é a principal arma e tem se mostrado fundamental para o sucesso da equipe desde que estreou contra o Palmeiras no mês passado. Desde então, o argentino acumula oito jogos pelo Cruzmaltino e com uma marca impressionante.

Neste período, o Vasco acumula somente uma vitória, com três empates e quatro derrotas. Foram seis gols anotados pelo Cruzmaltino. O impressionante é que Maxi López teve participação direta em 100% das vezes que a bola parou no fundo das redes das metas do adversário.

O primeiro gol do Vasco após a estreia de Maxi ocorreu no segundo jogo, o empate por 1 a 1 com o Ceará, em São Januário. O argentino fez grande jogada e escorou para Wagner fuzilar o goleiro rival. Contra o Atlético-MG, na partida seguinte, o Cruzmaltino passou em branco.

Na sequência, a melhor atuação de Maxi López pelo Vasco. O camisa 9 foi fundamental para o triunfo ao marcar seu primeiro gol e ainda dar duas assistências para bater a Chapecoense por 3 a 1, no Rio de Janeiro.

Após dois jogos sem marcar, o Vasco voltou a balançar as redes do adversário na derrota para o América-MG, em Belo Horizonte. O responsável pelo gol? Maxi López, de pênalti.

O último gol do Vasco no período foi no empate por 1 a 1 com o Flamengo. O argentino não marcou dessa vez, mas deu passe para Andrés Rios abrir o placar contra o maior rival.

O adversário da vez é o Bahia, que soma quatro pontos. Uma vitória em São Januário deixaria o Vasco em situação mais tranquila na tabela e ainda puxaria o rival para a confusão dos times mais desesperados contra a degola.

“Eu já durmo pouco desde quando virei treinador. Claro que quando não está bem classificado você tem a preocupação. Mas vamos sair dessa. Eu disse que ia trabalhar para isso e agora estamos trabalhando”, disse um confiante Alberto Valentim.

VASCO X BAHIA

Data e hora: 24/09/2018, segunda-feira, às 20h (horário de Brasília)
Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Auxiliares: Jorge Eduardo Bernardi e Lucio Beiesdorf Flor (RS)

Vasco
Martin Silva; Lennon, Luiz Gustavo, Leandro Castán e Ramon; Andrey (Bruno Silva), Raul, Willian Maranhão e Yago Pikachu; Andrés Rios e Maxi López
Técnico: Alberto Valentim

Bahia
Douglas; Nino Paraíba, Douglas Grolli, Lucas Fonseca e Léo Pelé; George, Zé Rafael, Élber e Ramires; Clayton e Gilberto
Técnico: Enderson Moreira

Esporte